Cuidado com essas atitudes que podem gerar estresse em seu pet

Um cachorro, geralmente, é considerado o melhor amigo do homem e quem tem o prazer de viver com um sabe o quanto é especial. Com cuidados, eles são leais, companheiros e brincalhões, além de trazer a alegria para dentro das nossas casas.

No entanto, existem alguns comportamentos humanos que os cães podem não gostar. Mesmo que o seu pet seja mais descontraído, é melhor evitar alguns desses comportamentos.

Isso porque muitos não sabem que algumas atitudes podem acabar gerando estresse no pet, e sabendo que eles podem se estressar assim como os humanos e, às vezes, por falta de informação podemos cometer algumas atitudes que estressam nossos amigos.

Por isso, hoje separamos um artigo completo para te explicar melhor sobre essas atitudes e algumas curiosidades sobre o humor canino. Confira!

Cães têm estresse? 

É muito comum que nós, humanos, passemos por um dia cheio de estresse, o que pode desencadear problemas para a nossa saúde.

Infelizmente, os cachorros não estão livres desse tipo de problema, apesar dos motivos serem diferentes, muitos sinais e comportamentos são bem parecidos conosco.

No entanto, assim como as pessoas buscam conforto de várias maneiras para aliviar o estresse, os cães também podem encontrar formas de recuperar a qualidade de vida e a energia.

Por isso, é muito importante entender as razões que levam o seu cachorro a desenvolver o estresse canino para ajudá-lo da melhor forma.

Cuidado com essas atitudes que podem gerar estresse em seu pet

Que atitude temos que podem deixar nossos amigos estressados?

Afinal de contas, o que pode deixar um cachorro estressado? Antes de ajudar o seu amigo, você precisa entender quais são as suas atitudes que o chateiam.

  1. Interrompê-lo na hora da sua refeição

Um bom exemplo é mexer ou incomodar o seu amigo enquanto ele come. Não é bacana quando estamos na hora da refeição e alguém nos perturba, certo? Pois é, o seu pet também não é fã desse tipo de atitude.

  1. Repreendê-lo sem motivo ou sem que ele entenda o motivo

Ninguém gosta de levar bronca, mesmo quando estamos errados. No caso dos cães, isso pode piorar quando ele não entende o porquê ele está sendo repreendido.

Lembre-se que o seu pet não vai entender quando você está bravo ou irritado, portanto, não grite ou fale de maneira agressiva com o seu amigo.

Uma dica é recompensar o seu cão quando ele faz algo que lhe agrade e, quando for ao contrário, procure ignorar (caso seja possível). O ideal é sempre conversar com o seu amigo.

  1. Barulhos muito altos

Você com certeza já ouviu falar que os cães tem uma audição melhor do que a dos humanos, e isso está completamente certo.

Os cães podem ouvir um barulho quatro vezes mais longe do que os humanos, ou seja, quando o barulho está muito alto, eles podem ficar estressados, com medo e até mesmo agressivos.

Alguns barulhos que podem assustar os cães são trovões, fogos de artifícios e sirene de veículos, como carros de polícia ou ambulâncias.

  1. Mudança de ambiente

Nem sempre é uma atitude recorrente que deixa o seu pet com o humor mais ácido. Os animais são sensíveis a alterações, uma vez que estão acostumados com sua rotina e qualquer imprevisto pode deixá-lo irritado.

Por isso, não fique assustado caso você se mude de casa, mas procure ajudar o seu amigo, deixando o ambiente mais confortável e acolhedor.

Quais sinais conseguimos perceber?

O estresse causa um temperamento mais afoito no cão, e pode se manifestar em diversas ocasiões.

Mas afinal, como saber que o seu amigão de quatro patas está estressado? Bem, mesmo que não falemos a mesma língua que os cães, eles dão alguns sinais de que o humor dele não está dos melhores. Alguns dos principais sinais são:

  • Agressividade repentina
  • Latir ou choramingar excessivamente 
  • Lambedura excessiva
  • Mudanças na sua postura 
  • Rosnar
  • Hiperatividade
  • Falta de apetite
  • Queda de pelos
  • Orelha e rabo abaixados

Vale ressaltar que cada cão pode apresentar comportamentos distintos, ou seja, é capaz que o seu pet apresente ou não alguns dos sinais apresentados acima.

É sempre bom o tutor do animal ficar atento a qualquer sinal estranho em seu amigo de quatro patas, pois também alguns sinais de irritabilidade podem ser o reflexo de outro desconforto gerado quando o pet estiver doente.

Então, sem motivo algum desses sinais aparecerem, vale a pena levá-los depressa a uma clínica veterinária 24h, para um melhor acompanhamento.

Bebê foto criado por wirestock – br.freepik.com