17 de junho, 2024

Últimas:

Corpo de recém-nascido é encontrado dentro de contêiner por coletores de lixo em Porto Feliz

Anúncios

Dois coletores de lixo encontraram um bebê recém-nascido, uma menina, morto dentro de um contêiner de lixo na manhã desta terça-feira (21), no bairro Belo Alto, em Porto Feliz (SP).

Conforme apurado pela reportagem, o coletor informou que a criança estava pendurada de cabeça para baixo e ainda com o cordão umbilical. O motorista do caminhão que faz a coleta ficou em estado de choque e precisou ser levado para um hospital da região.

Anúncios

A polícia acredita que a criança nasceu durante o fim de semana e foi deixada no local ainda pela madrugada desta terça.

Corpo foi encontrado por coletor de lixo na manhã desta terça-feira (21) (Foto: Reprodução)

Investigações já começaram

O delegado de Porto Feliz, Raony de Brito Barbedo, explicou que os coletores de lixo foram ouvidos ainda pela manhã e que o local já passou por perícia. Segundo ele, a polícia vai procurar por imagens de câmera de segurança dos últimos dias para tentar identificar quem deixou o bebê na lixeira.

Anúncios

“Agora à tarde nós também acompanharemos o exame necroscópico e também vamos oficiar para os hospitais não só da cidade, [mas] da região, para ver se a gente consegue identificar se teve alguma mãe que teria programado um parto por esses dias e estamos aguardando todas as conclusões dessas informações preliminares”, afirma.

Delegado Raony de Brito Barbedo é o responsável pelas investigações em Porto Feliz (Foto: Reprodução/TV TEM)

Conforme Barbedo, o corpo do bebê ficou enroscado no caminhão. Os coletores de lixo desligaram a máquina e acionaram a Polícia Militar. Os exames necroscópicos vão determinar se o bebê estava vivo até a chegada dos coletores.

“Quando a gente chegou, ele já estava pendurado. Agora vamos fazer o exame necroscópico para saber se ele nasceu com vida, ou não. A depender dessa conclusão, a natureza do crime vai ser outra”, explica.

Caso a mãe seja identificada, ela pode responder por três crimes diferentes:

  • Infanticídio, um homicídio que acontece durante ou logo após o parto, quando a mãe, ainda durante o puerpério, mata o próprio filho ou filha;
  • Homicídio;
  • Vilipêndio a cadáver, o ato de “desrespeitar, ridicularizar, ofender a honra” do corpo de uma pessoa morta.

O indiciamento desta mãe, no entanto, depende da conclusão da perícia.

Fonte: G1

Talvez te interesse

Últimas

Dupla traz releituras de grandes clássicos do pop rock dos anos 2000; primeiro volume promete uma imersão sonora com utilização...

Categorias