27 de maio, 2024

Últimas:

Corinthians perde para a Ponte Preta em casa e se complica no Paulistão

Anúncios

O Corinthians tentou, pressionou, martelou, mas foi superado pela Ponte Preta na noite deste domingo, por 1 a 0, na Neo Química Arena. Com o resultado, o time perde a primeira com o técnico António Oliveira e se complica na briga pela classificação à próxima fase do Campeonato Paulista. O único gol do jogo foi marcado por Iago Dias, no começo do primeiro tempo.

A equipe corintiana segue com os mesmos dez pontos, quatro a menos que a Inter de Limeira, que figura na segunda posição do Grupo C. A duas rodadas para o fim da primeira fase, o Timão é o lanterna da sua chave.

Anúncios

Já a Ponte retorna à zona de classificação do Grupo B, ocupando o segundo lugar, com 16 pontos, abaixo apenas do líder Palmeiras.

O Corinthians agora tem uma semana livre e retorna a campo só no próximo sábado, quando enfrenta o Santo André na Neo Química Arena, pela penúltima rodada do Estadual. A bola rola às 16h (de Brasília). Já a Ponte encara o time do Novorizontino, no domingo, às 17h, no Moisés Lucarelli.

Anúncios

O Corinthians até assustou em uma bela jogada de Maycon, logo aos três minutos, mas foi a Ponte Preta que estreou o placar na Neo Química Arena. Aos cinco, Elvis cobrou falta com força e Carlos Miguel espalmou para dentro de sua área. No rebote, Iago Dias cabeceou para o fundo das redes, encobrindo o goleiro, e fez 1 a 0 para a Macaca.

Na tentativa de empatar a partida, o Timão quase marcou com Rodrigo Garro, aos 12 minutos. O jogador recebeu de Fagner na entrada da área e bateu rasteiro, raspando a trave direita do goleiro Pedro Rocha.

O Corinthians seguiu pressionando e teve boa chance com Gustavo Henrique, aos 22. Após cobrança de escanteio na área, o zagueiro subiu sozinho para cabecear, mas mandou para fora. Aos 34, Wesley carregou do lado esquerdo para o meio e arriscou de longe, mas parou em boa defesa de Pedro Rocha.

Aos 38, a equipe de António Oliveira perdeu uma chance incrível. Em novo escanteio, Romero completou de cabeça e viu a bola ir em direção às redes, quando Gabriel Risso apareceu em cima da linha para afastar o perigo e salvar o seu time. Pressão do Corinthians!

Romero teve nova oportunidade aos 46 minutos, quando Wesley limpou a marcação e mandou para o paraguaio, que chutou para fora. Apesar da grande superioridade, o Timão não conseguiu mudar o placar no primeiro tempo.

A etapa final começou da mesma forma que terminou a primeira: domínio do Corinthians. Com apenas três minutos, Hugo cruzou para Yuri Alberto, que cabeceou firme e viu a bola passar muito perto do gol.

Aos 13, Garro fez boa jogada na área e tocou para Raniele, que acabou chutando mascado e mandou para fora. Após o lance, o argentino ficou pedindo pênalti, mas o árbitro mandou seguir. Já aos 23, Matías Rojas chutou da entrada da área e raspou a trave defendida por Pedro Rocha.

O Corinthians até tentava, mas esbarrava na sólida defesa da Ponte Preta e via o tempo passar. Já nos acréscimos do segundo tempo, em cobrança de escanteio de Rojas, Félix Torres cabeceou com muito perigo, mas mandou para fora. Depois, o zagueiro ainda acertou uma bola na trave.

CORINTHIANS 0 X 1 PONTE PRETA

Local: Neo Química Arena, em São Paulo (SP)
Data: 25 de fevereiro de 2024 (domingo)
Horário: às 20h (de Brasília)
Árbitro: Matheus Delgado Candaçan
Assistentes: Neuza Inês Back e Ítalo Magno de Paula Andrade
VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral
Cartões amarelos: Maycon, Gustavo Henrique e António Oliveira (Corinthians); Jeh, Luiz Felipe, Igor Inocêncio e Léo Naldi (Ponte Preta)
Cartões vermelhos: Nenhum
Público: 41.375 torcedores
Renda: R$ 2.339.123,50

GOL: Iago Dias, aos 5′ do 1ºT (Ponte Preta)

CORINTHIANS: Carlos Miguel; Fagner (Matheuzinho), Félix Torres, Gustavo Henrique (Matías Rojas) e Hugo (Gustavo Mosquito); Raniele, Maycon e Rodrigo Garro; Romero (Pedro Henrique), Wesley (Guilherme Biro) e Yuri Alberto.
Técnico: António Oliveira

PONTE PRETA: Pedro Rocha; Mateus Silva (Edson), Castro e Nilson Jr; Igor Inocêncio, Léo Naldi, Ramon, Elvis (Luiz Felipe) e Gabriel Risso; Iago Dias (Renato) e Jeh.
Técnico: João Brigatti

Fonte: FPF – Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians

Talvez te interesse

Últimas

Anúncios No último domingo de maio, dia 26, a sorte brilhou para uma moradora de Botucatu durante o sorteio do...

Categorias