Corinthians empata com o Internacional e mantém liderança do Brasileirão

O Corinthians foi até o Beira-Rio e buscou o empate duas vezes contra o Internacional, nesta noite de sábado, por 2 a 2, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o Alvinegro se manteve na liderança, chegando aos 13 pontos, mas com o Atlético-MG na cola, com 12. Já o Inter permaneceu na oitava colocação, com nove pontos.

O primeiro tempo foi praticamente todo dos donos da casa, que pressionaram e marcaram duas vezes, aos 21 e aos 45, com Alan Patrick e Wanderson. Raul Gustavo diminuiu, aos 31. No retorno do intervalo, o Timão voltou melhor e Jô, no lugar de Róger Guedes, protagonizou os melhores lances, chegando a novo gol de empate após lindo passe de Mantuan.

Vale destacar que Edenilson acusou o lateral-direito português Rafael Ramos de racismo. O caso deve ser apurado após a partida. Quando foram substituídos, o lateral e Willian, ambos do Corinthians, ficaram conversando sobre o que aconteceu.

Na próxima rodada, o Alvinegro recebe o São Paulo no primeiro Majestoso disputado na Neo Química Arena em 2022, no domingo, às 16h (de Brasília). Antes do compromisso do Brasileirão, porém, o Timão visita o Boca Juniors, na terça, pela Libertadores, na Bombonera.

Já o Inter visita o Cuiabá no sábado, às 21h (de Brasília), mas também tem compromisso no meio da semana, pela Sul-Americana, contra o Independiente Medellín, em casa.

O início da partida mostrou-se mais perigosa para o Internacional, que teve duas oportunidades até os cinco minutos, ambas pelo lado esquerdo, primeiro em chute de David, defendido por Cássio, e, pouco depois, em cruzamento rasteiro de Carlos de Pena, mas Edenilson não chegou a tempo e a bola foi para fora.

Aos oito, em saída errada de bola do Inter, Willian passou para o meio, mas Renato pegou mal na bola e não conseguiu finalizar com perigo. No minuto seguinte, em novo erro da defesa, Róger Guedes roubou a bola, mas, após cruzamento para Willian, a defesa tirou e mandou para escanteio.

O Colorado foi para o ataque mais uma vez aos 12 minutos; Wanderson cruzou e David desviou na entrada da área, para tabela de cabeça entre Bustos e Edenílson, que bateu cruzado para fora, rente à trave.

Pouco depois, Carlos de Pena lançou para Wanderson, mas a zaga afastou. Na sobra, David não conseguiu dominar e Cássio ficou com a bola, em outra grande chance. Aos 21, em cobrança de escanteio, Mercado cabeceou perto do gol.

Depois de tanto insistir, o Colorado finalmente estufou as redes aos 24 minutos, em jogada bem construída iniciada pelo meio para o lado esquerdo, com Wanderson, que cruzou para a área. David deixou passar e a bola chegou em Alan Patrick, que precisou apenas empurrar para o fundo do gol de Cássio.

A resposta veio aos 28 minutos, quando Renato Augusto achou um passe perfeito para Róger Guedes dentro da área, mas Daniel defendeu. Na cobrança de escanteio, a bola vai e volta, teve bate e rebate na área, mas Raul Gustavo, caído, deixou tudo igual.

Já partindo para o final do primeiro tempo, após cobrança de lateral, Raul Gustavo não conseguiu parar David, que girou e cruzou para Alan Patrick, que cabeceou, mas Cássio defendeu. No entanto, na sobra, ninguém tirou e Wanderson chutou com força para marcar o segundo do Inter.

Entrando na vaga de Róger Guedes, Jô protagonizou o primeiro lance de ataque do segundo tempo, quando Bruno Melo cruzou direto na cabeça do camisa 77, que cabeceou nas mãos de Daniel. Aos seis, ele novamente apareceu para grande defesa de Daniel, mas foi marcado impedimento no momento da cobrança da falta de Renato Augusto para pequena a área.

Aos 12 minutos, após cobrança de falta de Maycon, Gil chegou na frente e cabeceou para dentro do gol, mas foi marcado o impedimento corretamente. Na sequência, Willian achou uma bola pela direita e passou para Maycon, que chutou em cima da defesa.

Melhor no início do segundo tempo, o Corinthians chegou ao gol com Jô, que recebeu belo passe de Mantuan, dominou e chutou para o fundo do gol aos 19 minutos. Depois disso, o Inter chegou com Mauricio, pela esquerda, mas Pedro Henrique não conseguiu chegar, de fato. O jogo seguiu disputado, mas sem novas chances para ambos os lados.

INTERNACIONAL 2 X 2 CORINTHIANS

Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Data: 14 de maio de 2022 (sábado)
Horário: às 19h (de Brasília)
Árbitro: Braulio da Silva Machado (FIFA-SC)
Auxiliares: Alex dos Santos (SC) e Thiaggo Americano Labes (SC)
VAR: Emerson de Almeida Ferreira (MG)
Cartões amarelos: Mano Menezes e Rodrigo Dourado (Internacional); Maycon e Jô (Corinthians)
GOLS: Internacional: Alan Patrick e Wanderson, aos 21 e 45 do primeiro tempo; Corinthians: Raul Gustavo, aos 31 do primeiro tempo, e Jô, aos 19 minutos do segundo tempo.

INTERNACIONAL: Daniel; Bustos, Mercado, Vitão (Moisés) e Renê; Rodrigo Dourado, Edenilson, Carlos de Pena e Alan Patrick (Pedro Henrique); David (Mauricio) e Wanderson. Técnico: Mano Menezes.

CORINTHIANS: Cássio; Rafael Ramos (João Victor), Gil, Raul e Bruno Melo; Du Queiroz, Maycon (Giuliano), Renato Augusto (Cantillo); Mantuan, Willian (Gustavo Silva) e Róger Guedes (Jô). Técnico: Vítor Pereira.

Fonte: Yahoo!Foto: Ricardo Duarte/Internacional