Com mais de 600 casos confirmados esse ano, Garça promove ações de combate à dengue

Após o registro de 612 casos de dengue somente esse ano, a Prefeitura de Garça (SP) segue promovendo ações de combate ao mosquito e firmou uma parceria com imobiliárias da cidade para vistoriar imóveis que estão para venda ou locação.

O município possui, em média, 15% de imóveis fechados que se encontram nessa situação. O objetivo é vistoriar esses prédios em busca de criadouros do Aedes aegypti que precisam ser eliminados, como vasos, calhas entupidas e piscinas.

A proposta é que um responsável pela imobiliária acompanhe os agentes durante a fiscalização e esteja ciente das situações encontradas, a fim de providenciar a manutenção ou limpeza necessária no local.

A prefeitura também continua com a nebulização em toda a cidade para combater o mosquito que transmite a zika, febre chikungunya e febre amarela, além da dengue. Nesta quinta-feira (24), os agentes de saúde e os de endemia estarão nos bairros Hilmar Machado de Oliveira e Jardim Nova Garça.

Cidades da região de Bauru registram mais de 1.689 casos de dengue no começo de 2022 — Foto: Reprodução/TV TEM
Cidades da região de Bauru registram mais de 1.689 casos de dengue no começo de 2022 (Foto: Reprodução/TV TEM)

A prefeitura informou que já ampliou o número de agentes para realizar o controle de criadouro e a nebulização nas casas. Nesse momento, é importante que a população colabore e autorize a entrada dos agentes nas casas conforme os protocolos do estado e do Governo Federal.

O veneno aplicado durante a nebulização mata o mosquito em sua fase adulta. Por isso, é preciso deixar que o veneno aja dentro dos imóveis, mantendo portas e janelas abertas.

A medida não é eficaz no combate ao mosquito em sua fase aquática: ovo, larva, pupa, dentro dos criadouros com água parada. Trata-se, portanto, de uma responsabilidade compartilhada com os moradores.

No centro-oeste paulista, já foram registrados quase 1,7 mil casos de dengue no primeiro trimestre de 2022. Garça assumiu a primeira colocação, com os mais de 600 casos confirmados e um óbito. Borá, a menor cidade do estado de SP, com cerca de 800 habitantes, já possui 47 casos (veja abaixo).

Casos positivos de dengue em 2022

  • Garça: 612
  • Paraguaçu Paulista: 459
  • Tupã: 132
  • Lins: 102
  • Quintana: 84
  • Bauru: 82
  • Oriente: 63
  • Ourinhos: 60
  • Marília: 48
  • Borá: 47

Fonte: G1