Com falta de leitos para pacientes com Covid, prefeitura suspende aulas presenciais em Taquarituba

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

A prefeitura de Taquarituba (SP) anunciou nesta terça-feira (2) a suspensão das aulas presenciais das redes municipal, estadual e privada de ensino, como maneira de conter o avanço da Covid-19 na cidade. A medida foi publicada no Diário Oficial e começa a valer nesta terça.

Segundo a prefeitura, embora todos os cuidados de prevenção tenham sido adotados no município, a prefeitura se preocupa com o aumento de casos suspeitos e positivos da doença e também com a falta de leitos para pacientes.

Conforme o documento, ficam suspensas atividades presenciais nas escolas municipais, estaduais, privadas, filantrópicas, de ensino superior e técnicas. Além destas, a prefeitura também vai suspender atividades presenciais do Projeto Guri, projetos sociais e Apae até o dia 28 de março.

Nesta terça-feira, a prefeitura de Taquarituba contabilizava 1.203 casos positivos da Covid-19. Destes, 1.129 são curas e 14 são mortes.

Desta maneira, ficou estabelecido o ensino remoto até a data prevista da retomada presencial com a disponibilização de todos os recursos que minimizem os impactos no aprendizado.

Durante este período, o programa de alimentação escolar será mantido, disponibilizando as refeições infantis para retirada pelas famílias nas unidades escolares.

Ainda segundo o documento, gestores, professores e servidores da Coordenadoria Municipal da Educação devem cumprir a jornada de trabalho nas unidades de ensino, para planejamento e acompanhamento das atividades propostas .

Já a partir desta quarta-feira (3), o atendimento ao público no Paço Municipal ficará restrito como medida preventiva. No entanto, as dependências do prédio ficarão acessíveis para atendimento ao público de segunda a sexta, das 13h às 16h30.

Dúvidas e orientações podem ser adquiridas pelo número (14) 3762-9666 disponibilizado pela prefeitura da cidade.

Falta de leitos para Covid

Com 100% de ocupação nos leitos de Unidade de Terapia Intensiva e 260% na enfermaria, segundo dados da prefeitura desta terça (2), a Santa Casa de Taquarituba (SP) está passando por um colapso na saúde por conta do avanço da Covid-19. Para o presidente da unidade, Mauro Sergio da Silva, é preciso conscientização dos moradores, ainda mais com a falta de vagas na cidade.

Segundo ele, são dez leitos disponibilizados para internação em UTI, sendo que todos foram ocupados. Além disso, municípios vizinhos têm procurado a Santa Casa para transferência de pacientes com a doença, contudo, não há mais vagas.

De acordo com Mauro Sergio, por enquanto, ainda não há falta de oxigênio, no entanto, se a demanda aumentar, a unidade de saúde corre esse risco.

“Pegamos um segundo fornecedor de oxigênio já por medo de não termos. Nós temos um pequeno estoque, mas ele precisa ser resposto todos os dias”, explica.

Fonte: G1

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes