Com brasileiros, WSL anuncia indicados ao Big Wave Awards, o “Oscar” das ondas gigantes

A World Surf League (WSL), a liga mundial de surfe, anunciou os indicados ao Big Wave Awards, o “Oscar” das ondas gigantes. Entre os surfistas, quatro brasileiros estão na disputa. Lucas Chumbo, Maya Gabeira, Raquel Heckert e Vinícius dos Santos concorrem com suas ondas surfadas na temporada 2020/2021.

Natural de Florianópolis, em Santa Catarina, Vini dos Santos concorre ao prêmio em três categorias. “Biggest Paddle”, de maior onda remada; “Ride of the year”, a melhor onda do ano; e “Performer of the Year”, a melhor performance em uma onda da temporada.

Outros dois brasileiros também foram indicados em mais de uma categoria. Lucas Chumbo, de Saquarema, RJ, concorre na categoria “Biggest Tow”, de maior onda com reboque, e a melhor performance em uma onda da temporada.

A carioca Maya Gabeira concorre nas categorias de onda do ano, maior onda com reboque, com duas ondas, e na de melhor perfomance. Já Raquel Heckert, de Niterói, concorre nas categorias de maior onda com reboque e perfomance do ano.

Assim como Vini, Chumbo e Maya surfaram suas ondas em Nazaré, a praia conhecida como o berço das ondas gigantes. Raquel é única entre os brasileiros que tem suas ondas em outra praia, em Pe’ahi, conhecida como Jaws, no Hawaii, nos Estados Unidos.

Os vencedores serão conhecidos no dia 29 de outubro, a partir das 19h (de Brasília), durante o Red Bull Big Wave Awards Show de 2021, com transmissão da WSL. Na premiação, a entidade distribui um total de 350 mil dólares em dinheiro aos ganhadores.

Fonte: G1

Scroll Up