Artigo: Vamos cair na real – Por Lourival Panhozzi

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Nos últimos dias tem se falado tanto do Coronavírus, que sexta feira, quando minha filha pegou uma boneca para minha neta levar na escola, a minha neta lhe disse assustada: “Mamãe, esta boneca não, ela não pode sair de casa, ela está com Coronavírus”.

Está certo todo cuidado e preocupação que o mundo está tendo, mas vamos colocar cada coisa na sua devida gaveta.

Na primeira gaveta temos DOIS casos confirmados no Brasil e menos de CINCO centenas de casos suspeitos, de um vírus com um grau de letalidade considerado baixo pelos especialistas (que digam isto para quem perdeu um ente querido), de uma doença contra a qual as pessoas comuns pouco podem fazer para evitá-la, contudo, muito estão fazendo.

Na segunda gaveta temos mais 1.544.987 casos de dengue notificados no Brasil em 2019, com 782 mortes, um número absurdamente maior que o de 2018, isto sem considerar os 132.205 casos de Chikungunya e os 10.708 de zika (nem consigo imaginar qual vai ser a somatória de 2020). Um problema que pode ser combatido pela ação individual de cada um, basta todos irem até o quintal e fazer uma faxina.

Que mundo afinal estamos vivendo???

Quando a grande mídia explora e alimenta a informação, todos agem (efeito manada), quando vira notícia velha a realidade é varrida para debaixo do sofá, ninguém mais vê, fala ou se importa.

Sou totalmente a favor de todos os cuidados que o mundo está tomando para combater este novo vírus, mas vamos cair na real, nossa guerra tem outras frentes de batalhas que precisam ser defendidas com o mesmo vigor, da forma que está, deixaremos de morrer pela doença da moda, mas pereceremos pelas de “segunda mão”, aquelas que deixamos de dar importância.

* Lourival Panhozzi é empresário, Diretor Funerario – Pres. Abredif/Sefesp -, Diretor do CTAF, Sistema Prever e Solucard.

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes