Clubes da Série C decidem preparar projeto antes de se reunir com a CBF para buscar auxílio

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Boa parte dos clubes que têm participação garantida na disputa da Série C do Campeonato Brasileiro de 2020 dialogaram na tarde desta sexta-feira sobre a crise em decorrência da pandemia do novo coronavírus. A reunião, realizada através de uma videoconferência, incluiria algum representante da CBF, mas os clubes preferiram, antes, buscar uma deliberação interna para só então se reunir com a entidade máxima do futebol nacional. Quem também participou do diálogo com os representantes dos clubes foi o advogado Osvaldo Cestari, especialista em direito desportivo. No encontro virtual, ficou decidido que será apresentado à CBF um projeto emergencial de arrecadação para garantir que as diretorias consigam pagar os salários dos jogadores enquanto os jogos não são retomados.

A informação foi confirmada pelo presidente do Treze Futebol Clube, Walter Júnior, que também confirmou que o documento, oriundo das deliberações dessa reunião, será enviado à CBF na próxima semana, em uma nova reunião.

– Esse novo momento vai contar também com a participação de representantes dos atletas e com a CBF. Vamos entregar o projeto emergencial para a captação de recursos e também vamos deliberar questões como datas e alguma possível mudança no formato de disputa. Essa reunião ainda vai ser marcada, mas deve acontecer, no máximo, até quarta-feira – garantiu o dirigente paraibano.

Ainda nesta sexta-feira, um grupo de atletas usou as redes sociais para pedir que a CBF também apresente algum plano de auxílio para os clubes que vão disputar a terceira divisão nacional. Vale lembrar que, até agora, apenas as séries A e B do Campeonato Brasileiro iniciaram algum tipo de diálogo para tentar encontrar uma solução para os problemas, principalmente os financeiros, relacionados à pandemia do novo coronavírus e seus efeitos no futebol. No entanto, de efetivo mesmo, só se tem a decisão dos clubes da segundona, que decidiram dar férias coletivas aos atletas.

Fonte: G1

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes