23 fevereiro, 2024

Últimas:

Casal morto em acidente com motorista embriagado teve casa furtada no dia do velório no interior de SP

casal morto em um acidente que envolveu um motorista embriagado na Rodovia Cândido Portinari (SP-334), em Franca (SP), teve a casa furtada no domingo (4), dia em que os corpos foram velados e sepultados.

A advogada Camila Museti, que representa a família, disse nesta terça-feira (6) que os ladrões arrombaram a porta do imóvel de Taís Borges e Guilherme Almeida, no Jardim Luiza, e fugiram com um fogão.

“Infelizmente, não respeitaram a dor de uma família e acabaram fazendo isso, o que é muito triste. A família tinha acabado de velar e, ao chegar ao local por volta das 20h, se deparou com uma situação dessa”, lamentou.

Ainda de acordo com a advogada, o imóvel já havia sido alvo de duas tentativas de furto desde o último mês. “A gente não sabe o porquê disso, mas a Taís vinha investindo em câmeras de segurança”, relatou.

A família vai apresentar a ocorrência à Polícia Civil.

Taís Borges, de 40 anos, e Guilherme Almeida, 27, morreram após acidente na sexta-feira (2) em Franca, SP — Foto: Reprodução/Redes sociais
Taís Borges, de 40 anos, e Guilherme Almeida, 27, morreram após acidente na sexta-feira (2) em Franca, SP (Foto: Reprodução/Redes sociais)

O caso

De acordo com a Polícia Civil, o carro de Dênis Costa Rios Vergara Pereira atingiu a traseira da motocicleta de Taís Madalena Borges, de 40 anos, e do companheiro dela, Guilherme Carlos Nascimento de Almeida, 27.

A batida ocorreu na sexta-feira (2), por volta das 22h30, no km 399 da Rodovia Cândido Portinari, em Franca.

Dênis, de 36 anos, é filho de Luiz Carlos Vergara Pereira, que foi vereador em Franca por dois mandatos e hoje é secretário da Saúde em Igarapava (SP). Em contato com a reportagem, o ex-parlamentar considerou o caso como uma “tragédia” e desejou força às famílias das vítimas.

O boletim de ocorrência (BO) indica que Taís morreu no local. Já o companheiro dela chegou a ser levado à Santa Casa do município, mas não resistiu na madruga de sábado.

Ainda na rodovia, Dênis aceitou fazer o teste do bafômetro, que constatou a embriaguez. Devido à infração, o suspeito foi conduzido ao Plantão de Polícia Civil da cidade. Na sequência, encaminhado à Cadeia de Franca, onde permanece preso.

Os corpos de Dênis e Taís foram velados no Velório São Vicente de Paulo, em Franca. O sepultamento aconteceu no Cemitério Jardim das Oliveiras, por volta das 14h de domingo.

Acidente ocorreu na noite de sexta-feira (2) na Rodovia Cândido Portinari em Franca, SP — Foto: Divulgação/Folha de Franca
Acidente ocorreu na noite de sexta-feira (2) na Rodovia Cândido Portinari em Franca, SP (Foto: Divulgação/Folha de Franca)

Conversão da prisão

O Tribunal de Justiça (TJ) informou, por meio de nota na segunda-feira (5), que a prisão em flagrante de Dênis Vergara foi convertida em preventiva.

O suspeito responde por embriaguez ao volante, homicídio culposo e lesão corporal culposa. Atualmente, ele está preso na Cadeia de Franca.

Tais Madalena Borges, de 40 anos, e Guilherme Carlos Nascimento de Almeida, 27, morreram em acidente em Franca, SP — Foto: Reprodução/Redes sociais
Tais Madalena Borges, de 40 anos, e Guilherme Carlos Nascimento de Almeida, 27, morreram em acidente em Franca, SP (Foto: Reprodução/Redes sociais)

Fonte: G1

Últimas

SPDIGI abre consulta sobre uso de telas por adolescentes

SPDIGI abre consulta sobre uso de telas por adolescentes

23/02/2024

Documento que reúne dados sobre uso excessivo de telas sobre crianças e adolescentes tem como objetivo...

Categorias