Caçador é contratado e abate aligátor de 4 metros que aterrorizava fazendeiro nos EUA

Um fazendeiro da região de Okeechobee (Flórida, EUA) estava no meio de um longo mistério: por que os seus bezerros estavam desaparecendo da sua propriedade, às margens de um lago? A resposta tinha mais de 4 metros de comprimentos e pesava 406 quilos.

Doug Borries exibe aligátor de mais de 4 metros que aterrorizava fazendeiro na Flórida (Foto: Reprodução/Facebook)

A descoberta aumentou o terror: quem estava por trás dos sumiços era um aligátor (jacaré americano). Para pôr fim ao reinado do réptil voraz, o ruralista recentemente contratou um caçador profissional, em vez de um especialista para a remoção segura do animal gigantesco. Doug Borries fez as vezes de “Exterminador”. Perseguiu, matou o réptil de 80 anos e depois o comeu. Com um único tiro, desferido por um rifle de longo alcance.

“Fiquei no topo do dique do lago antes do amanhecer e atirei nele em uma ilha no meio do lago, logo após o raiar do sol”, explicou ele em um vídeo no Facebook.

Doug Borries exibe jacaré de mais de 4 metros que aterrorizava fazendeiro na Flórida
Doug Borries exibe aligátor de mais de 4 metros que aterrorizava fazendeiro na Flórida (Foto: Reprodução/Facebook)
Doug Borries exibe jacaré de mais de 4 metros que aterrorizava fazendeiro na Flórida
Doug Borries exibe aligátor de mais de 4 metros que aterrorizava fazendeiro na Flórida (Foto: Reprodução/Facebook)

“Foi uma oportunidade única na vida para mim e tive a sorte de acertar um tiro perfeito a uma distância bem longa. Eu não tinha ideia da magnitude do corpo até que o puxamos completamente para fora do lago. Ele era suspeito de comer parte do gado local ao redor do lago e foi considerado uma ameaça”, acrescentou o caçador.

Doug se disse orgulhoso não apenas de abater o jacaré, mas a forma como ele fez isso.

Depois de ser retirado do fundo do lago, o animal foi esfolado e comido. Dough planeja expor como um troféu o couro e o crânio do jacaré.

Fonte: Extra