Suspeito de matar PM com fuzil é morto em nova troca de tiros em Piracicaba

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

O homem apontado como suspeito de matar um policial militar com um fuzil durante um tiroteio em Piracicaba (SP), neste sábado (14), foi morto em uma nova troca de tiros com PMs. Ele estava foragido e foi encontrado em uma área de mata, próximo ao local do crime.

De acordo com as primeiras informações da Polícia Militar, membros do Comando de Operações Especiais (COE) auxiliavam nas buscas quando encontraram o suspeito. Ele reagiu e foi baleado.

Sérgio Gomes Samad tinha 35 anos e, de acordo com a corporação, tinha três passagens por roubo – inclusive, cumpriu pena no sistema prisional e estava em liberdade desde 2016.

Após ser baleado, Samad chegou a ser atendido por equipes de resgate, mas morreu no local. Ainda não há informações sobre que tipo de armamento ele usava desta vez.

Munição ficou pela rua após tiroteio entre policiais e suspeitos em Piracicaba — Foto: Fernando Jacomini/G1
Munição ficou pela rua após tiroteio entre policiais e suspeitos em Piracicaba (Fotos: Fernando Jacomini/G1)

Homenagem

A Polícia Militar de Piracicaba prepara uma homenagem a Vinicius da Silva de Melo, o policial morto no tiroteio pela manhã. O corpo será levado à Praça José Bonifácio na noite deste sábado (14) e os PMs prestarão continência.

Governador se manifesta

Em uma rede social, o governador do estado, João Doria (PSDB), se manifestou sobre a morte de Melo. “Minha solidariedade aos familiares e amigos do policial que perdeu sua vida”, diz texto.

Fonte: G1

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes