Policiais rodoviários socorrem bebê engasgada após abordar carro em alta velocidade no interior de SP

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Um recém-nascido de 26 dias foi socorrido por policiais rodoviários que realizavam uma operação no quilômetro 7 da Rodovia Raposo Tavares, em Itapetininga (SP), nesta segunda-feira (13).

Os policiais Márcio José dos Anjos Souza e Maick dos Reis Inácio decidiram abordar um veículo que trafegava no trecho em alta velocidade, mas acabaram salvando a pequena Maria Vitória.

“Quando o pai da criança desceu do veículo, estava desesperado e pedindo ajuda porque a criança não estava respirando. Fiz o procedimento, dei cinco tapinhas nas costas, vi que saiu um líquido da boca dela, ela começou a retomar a cor e começou a chorar. Aí percebemos que as vias foram desobstruídas”, lembra o PM Márcio José dos Anjos Souza.

“É algo que a gente não espera, mas recebemos treinamento para situações de emergência e graças a Deus nos capacitou e estávamos preparados para o momento”, diz Maick dos Reis Inácio.

Policiais de Itapetininga prestam socorro a bebê engasgado
Policiais de Itapetininga prestam socorro a bebê engasgado (Foto: Reprodução/TV TEM)

De acordo com Claudinei Nunes Corrêa e Liliane Cristina Santos Corrêa, pais do bebê, eles pegaram a filha do berço e perceberam que ela não estava respirando. O casal de Sarapuí (SP) tentou reanimá-la, mas não conseguiu.

“Naquela hora pensei em ligar para a unidade do Samu, não dava tempo. Peguei o carro, fui até a cidade, não tinha nenhum enfermeiro. Disseram que o carro do Samu estava atendendo outra ocorrência”, lembra Claudinei.

Como Sarapuí não tem hospital e o socorro mais próximo estava fechado, a opção foi ir até Itapetininga. Na estrada a família foi abordada pelos PMs, que fizeram manobras para desengasgar a menina.

Segundo o clínico geral Samuel Tadeu de Lara Araújo, para desengasgar um bebê é necessário verificar a coloração da criança, coloca-la de bruços no braço e massagear as costas até que ela vomite e chore.

“Os pais precisam estar atentos à coloração da criança, ligar para o 192, que eles possuem médicos que podem orientar sobre as devidas manobras e o caso não se tornar mais grave.”

O diretor de Saúde de Sarapuí, Marcos Paulo Machado, disse que equipe do Samu estava em atendimento quando o pai da criança procurou pela equipe. Afirmou ainda que existe apenas uma viatura na cidade e, quando acionada, a base de Alambari (SP) fica na retaguarda apenas para chamados via 192.

Ele também esclareceu que os atendimentos do Samu são feitos a partir das chamadas pelo 192 e afirmou que, se a equipe estivesse na base, realizaria o socorro, mas informou que o procedimento correto é fazer a ligação.

Recém-nascido de Sarapuí (SP) foi socorrido por policiais rodoviários que faziam operação em Itapetininga (SP) — Foto: Maria Eduarda Carnietto/TV TEM
Recém-nascido de Sarapuí (SP) foi socorrido por policiais rodoviários que faziam operação em Itapetininga (SP) (Fotos: Maria Eduarda Carnietto/TV TEM)

Fonte: G1

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes