Dólar fecha em queda após comentários de Trump

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

O dólar fechou em queda no 1º pregão do mês de dezembro, depois de ter acumulado avanço de mais de 5% em novembro e após o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, dizer nesta segunda-feira (2) que irá restaurar tarifas sobre importações de aço e alumínio do Brasil e da Argentina. A moeda norte-americana também foi influenciada pelos leilões do Banco Central.

O dólar caiu 0,64%, a R$ 4,2127. Na abertura, chegou a operar em alta, batendo R$ 4,2556.

A moeda norte-americana passou a cair depois da realização dos leilões do Banco Central, que vendeu neste pregão 9.600 contratos de swap cambial reverso e US$ 480 milhões em moeda spot, de oferta de até 10 mil contratos e US$ 500 milhões, respectivamente, destacou a Reuters. Adicionalmente, o BC leiloará contratos de swap tradicional, para rolagem do vencimento fevereiro de 2020.

Na sexta-feira, a moeda dos EUA fechou a R$ 4,2397, em alta de 0,57%, acumulando valorização de 5,73% no mês de novembro. No ano, tem alta de 9,43% frente ao real.

A projeção do mercado financeiro para a taxa de câmbio no fim de 2019 permaneceu em R$ 4,10 por dólar, segundo pesquisa Focus do Banco Central divulgada nesta segunda. Para o fechamento de 2020, subiu de R$ 4 para R$ 4,01 por dólar.

Fonte: G1

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes