Pedido de poda e retirada de árvore agora é centralizado na Secretaria de Obras de Botucatu

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

A solicitação de poda e retirada de árvores em Botucatu, antes vinculada à Secretaria Municipal de Meio Ambiente, agora já pode ser feita diretamente na Secretaria Municipal de Obras. A mudança tem o objetivo de centralizar o serviço em um único lugar, uma vez que a execução de poda e retirada de árvores já ficava por conta do Departamento de Limpeza Pública da Secretaria de Obras. Somente neste ano já foram solicitadas à Prefeitura cerca de 700 retiradas de árvores e outras 900 podas.

“Além de atender com mais agilidade, essa mudança facilita o processo ao munícipe, que muitas vezes não sabia onde recorrer. Agora ele precisa ir apenas a um só lugar para resolver seu problema. Outra novidade é que já estamos organizando mais uma equipe para atender a crescente demanda de poda e retirada de árvores”, explica o secretário municipal de Obras, André Peres. 

Em Botucatu toda poda ou retirada de árvore passa por uma análise realizada por um engenheiro agrônomo. Para solicitar o serviço, o munícipe deve comparecer à Secretaria de Obras com os documentos pessoais e o carne do IPTU, ou documento que comprove a propriedade do terreno/imóvel onde se encontra a árvore. Vale lembrar que nenhum munícipe tem o direito de podar ou retirar uma árvore sem autorização do poder público municipal, estando este sujeito às penalidades previstas no Código de Arborização Urbana. 

“Muitos pedem a retirada de uma árvore apenas porque suas folhas fazem sujeira na frente de casa. Mas isso não é motivo para que cortemos uma árvore. Levamos em conta a saúde da planta e se há de fato risco de queda. No caso das podas, elas são realizadas para que a árvore tenha o crescimento adequado visando não prejudicar a rede elétrica, iluminação publica, sinalização de transito ou passagem de pedestre”, justifica Irene Menezes, engenheira agrônoma da Prefeitura de Botucatu.

Máquina já tritura restos de poda

Outra novidade que começou a ser implantada nesta semana é a máquina para a trituração de restos de poda de árvores, que será operada pela equipe de Limpeza Pública da Secretaria Municipal de Obras. Diariamente já são recolhidos de três a quatro caminhões (cerca de 15m³) de resíduos de poda.

Além da economia aos cofres do Município, em relação a transporte e agilidade no serviço, o novo equipamento também proporciona um ganho ambiental uma vez que será reduzido pela metade o volume dos restos de poda que ocupavam espaço no Aterro Municipal, aumentando assim a vida útil dele.

Os galhos e troncos triturados agora serão encaminhados a um processo de compostagem realizado na Usina de Tratamento de Esgoto da Sabesp, localizada dentro da Fazenda Experimental Lageado da Unesp, onde já são gerados entre 12m³ a 15m³ de lodo por dia. O resultado desta mistura será um novo composto orgânico que poderá ser utilizado nos jardins de praças públicas, hortas comunitárias e pequenos produtores rurais.

Mais informações

Secretaria Municipal de Obras

Av. Itália, s/nº – Lavapés 

(14) 3882-0233 / 3882-6881 (serviço de Limpeza Pública – ramal 104)

Fonte: Prefeitura Municipal de Botucatu

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes