Menina de cinco anos é espancada pelo padrasto em Botucatu

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Uma menina de 5 anos foi agredida pelo padrasto de 22 anos, no Bairro Alto, na última quarta-feira, 13, em Botucatu.

De acordo com informações do repórter César Júnior, consta noo Boletim de Ocorrência que a criança teria sido espancada pelo padrasto, com golpes de cinta nas costas. A Guarda Civil Municipal e Conselho Tutelar foram acionados por vizinhos e encontraram a criança toda machucada, com as costas marcadas.

A menina foi levada pela GCM ao Pronto Socorro Municipal Infantil, para avaliação das lesões, mas teve problemas no atendimento. Duas médicas do local, segundo consta no BO, teriam se recusado a atender a menina, informado que seria caso de passar pelo IML (Instituto Médico Legal).

Após ordem da delegada que acompanha o caso, Dra. Simone Alves Firmino, a GCM apresentou uma carta do Conselho Tutelar às médicas que atendiam a menina. As profissionais da Saúde estariam insatisfeitas com a situação e uma delas ainda teria jogado essa carta contra os agentes da GCM que estavam no local.

A menina de cinco anos conseguiu atendimento no PS Infantil, mas precisou ser consultada por outro médico, que pode avaliar os machucados.

O padrasto da criança foi levado pela Guarda Civil Municipal à delegacia e ficou à disposição da Justiça, e foi autuado pelo crime de tortura.

Ouça a versão completa da notícia:

Leia Notícias – com informações do repórter César Júnior

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes