Janeiro mostra recuperação na geração de empregos em Botucatu

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

O Ministério da Econo­mia, por meio do Cadas­tro Geral dos Emprega­dos e Desempregados (Caged), registrou au­mento na criação de va­gas de trabalho em Botu­catu neste início de ano. Segundo a ferramenta oficial do governo fede­ral, o município teve sal­do positivo de 430 novas oportunidades na indús­tria, comércio, serviços e agropecuária.

Segundo o registrado pelo Caged, foram regis­tradas em janeiro 1.741 admissões contra 1.311 demissões. Ao todo, Bo­tucatu tem contabiliza­dos 36.111 empregos formais registrados em carteira, em 7.222 em­presas pesquisadas.

O segmento econômi­co com maior número de contratações foi a indús­tria de transformação, com 330 novas vagas criadas no primeiro mês do ano. Segundo o Caged, foram contabilizadas 473 admissões frente a 143 demissões. As 486 indús­trias botucatuenses são responsáveis por 9.579 empregos formais.

No segundo lugar na geração de empregos formais está o campo. O setor agropecuário regis­trou 240 admissões ante 134 demissões, ou seja, 106 novas vagas criadas em janeiro. Ao todo são 3.413 vagas formais, em 525 empresas do seg­mento.

Uma das maiores em­pregadoras da região, o setor de serviços tam­bém apresentou variação positiva em janeiro. As 3.423 empresas do seg­mento existentes em Bo­tucatu proporcionaram 644 contratações e 575 demissões no primeiro mês de 2019. Com isso, são 13.637 empregos formais registrados pelo Caged.

Seguindo direção con­trária, o comércio foi o que mais apresentou va­riação negativa em janei­ro. Foram 423 demissões contra 321 admissões, em 2.467 estabelecimen­tos do segmento. Com isso, o varejo concentrou 8.065 profissionais regis­trados em carteira.

Os números registra­dos pelo Caged em janei­ro deste ano superam o mesmo período de 2018. Naquele mês, ainda sen­tindo os impactos da re­cessão econômica, Botu­catu teve o encerramento definitivo de dez vagas, ao ter 1.149 demissões e 1.139 admissões.

Região segue tendência e criou 300 vagas em janeiro

A região analisada pelo Caged – que compreende os municípios de Anhem­bi, Bofete, Conchas, Botu­catu, Pardinho, Pratânia e São Manuel – também seguiu o ritmo de expan­são com a criação de 364 novas vagas de trabalho, com 2.275 contratações e 1.911 demissões. Ao todo, as 12.319 empresas instaladas nas cidades do entorno concentram 53.354 vagas assinadas em carteira de trabalho.

Os números mostram variação superior a ja­neiro de 2018, quando foram encerradas 82 va­gas formais, com 1.680 demissões diante a 1.598 admissões.

Jornal Leia Notícias por Flávio Fogueral

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes