Botucatu: Termina prazo e Prefeitura começa a multar proprietários de terrenos baldios

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Terminou o prazo dado pela Prefeitura de Botucatu (dia 13 de janeiro) para que os proprietários de terrenos sem construção ou murado façam a limpeza do imóvel, sob pena de aplicar de multas que podem ultrapassar R$ 2 mil.

A portaria dando o prazo deu dez dias e foi assinada pelo prefeito Mário Pardini, no dia 2 de janeiro, e estabelece a aplicação de multa de R$ 5,50 por metro quadrado, além de cobrar o valor do serviço de limpeza, estabelecido em R$ 5,00.

Em lotes padrões de Botucatu, a multa pode chegar a R$ 2.625,00, nos lotes de 250 m2. Se o imóvel não tiver muro ou calçada a multa poderá ser maior ainda.

“Nosso desejo não é punir, mas não podemos permitir que a nossa população esteja sujeita a terrenos que possam contribuir com a infestação de mosquitos de dengue ou animais e insetos peçonhentos”, afirmou o prefeito Mário Pardini.

No município, segundo a prefeitura, existem mais de 20 mil lotes sem construção e que serão vistoriados pela fiscalização do Município.

A prefeitura também disponibiliza a Ouvidoria e o Balcão da Cidadania para denuncias de terrenos baldios.

Por Haroldo Amaral Botucatu Online

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes