Botucatu: Novo golpe causa prejuízo para donos de lanchonetes e entregadores de lanche

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Uma nova modalidade de golpe está trazendo prejuízo para donos de lanchonetes e seus entregadores, respectivamente, em Botucatu.

De acordo com as vítimas, um homem solicita a entrega de dois lanches, diz ser médico do Pronto Socorro Adulto e pede que seu pedido seja entregue lá onde ele estaria de Plantão.

Em seguida, liga novamente e pede que o entregador faça uma recarga telefônica na farmácia para seu número no valor de R$ 50,00. Como gratificação pelo serviço prestado, o golpista afirma que pagará R$ 20,00 além do valor da recarga.

Ao chegar no Pronto Socorro, os entregadores foram informados que não havia nenhum Dr. Ricardo por lá. Resultado: o dono da lanchonete perdeu os dois lanches e o valor da corrida e o entregador fica no prejuízo pela recarga telefônica.

Mesmo parecendo um golpe muito óbvio, a prática de realizar recargas em farmácias e bancas de revista via mototaxistas é comum, quando o cliente da operadora não pode se deslocar para realizar a própria recarga.

Outro ponto que facilita o golpe, é que grande parte dos médicos e residentes que atendem no Pronto Socorro e Hospital das Clínicas são de fora da cidade e mantém o DDD da cidade onde residiam.

Em um dos casos, o DDD (31) de Belo Horizonte (MG) não gerou suspeita. Somente após a constatação do golpe, a vítima descobriu que o número pertence a um aparelho que está localizado em um presídio.

Leia Notícias

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes