Botucatu: Mulher é morta com golpe na cabeça e filho é preso como principal suspeito

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Uma mulher de 56 anos, identificada como Luzia Gonçalves de Silva, foi encontrada morta em sua casa pela Polícia Militar, por volta da 1h da madrugada desta segunda-feira (2), na Rua Independência, no Bairro Alto em Botucatu.

Segundo informações do repórter César Júnior, a Polícia foi chamada pelos vizinhos que estranharam os barulhos que vinham do local.

Quando os Policiais entraram na residência encontraram a vítima já sem vida, sentada em uma cadeira de praia. O filho de Luzia, Luiz Antônio da Silva Maé de 31 anos, estava no local e informou que havia retornado  da cidade de Cerquilho e quando entrou em casa encontrou a mãe caída no chão. Ele então teria colocado a mulher na cadeira e saiu chamar socorro.

As contradições nas informações de Luiz chamaram a atenção da polícia. Ele teria contato três versões e nenhuma convenceu os policiais. Luiz é conhecido da Polícia Militar e tem passagens por roubo e lesão corporal. Ele também seria dependente químico.

Vizinhos relataram que a briga entre mãe e filho teria tido início na tarde do domingo (1). Luiz ainda afirmou que a mãe era usuária de crack, porém os policiais relataram em boletim de ocorrência que e vítima não apresentava sinais físicos, presentes em usuários de crack.

Luzia foi morta com golpes na cabeça e apresentava lesões de agressão nos braços. O filho teve sua prisão preventiva decretada e foi encaminhado para a Cadeia Pública de Itatinga.

Ouça a versão completa da notícia:

Leia Notícias com informações do repórter César Júnior

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes