Botucatu: Lui não foi preso! GCM realizou auxílio comunitário após encontrá-lo caído na calçada

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Duas fotos de Luís Carlos Oliveira, de 46 anos, o popular Lui, bastante conhecido em Botucatu, sendo conduzido por dois agentes da Guarda Civil Municipal (GCM), circulou nas redes sociais nesta quinta-feira, 10, gerando boatos e diversas reclamações de algumas pessoas, que afirmavam que ele teria sido preso. Mas isso não ocorreu.

O Jornal Leia Notícias entrou em contato com o comandante da Guarda Civil Municipal (GCM) de Botucatu, Leandro Destro, que informou que houve um auxílio comunitário, na Rua Amando de Barros, nesta quinta-feira, 10. “Foi um auxílio comunitário. O Lui estava caído na calçada, com a metade do corpo na rua, e a GCM foi acionada para atendê-lo”, explicou.

Lui – que estava embriagado – foi colocado na parte de trás da viatura por segurança. “Após o atendimento ele foi levado para a sua casa”, completou Destro.

Lui, que é praticamente uma celebridade na cidade de Botucatu, principalmente nas redes sociais, luta há anos contra o vício do álcool. Ele foi internado em algumas ocasiões para tratamento, mas não obteve êxito. Lui, por ficar deitado na calçada e nas ruas da cidade, já foi atropelado mais de uma vez.

 

Leia Notícias

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes