‘Arrastões’ em ranchos preocupam moradores do Rio Bonito em Botucatu

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

ma série de roubos, na madrugada desta terça-feira (17), causou prejuízos e levou medo a moradores de pelo menos três ranchos que foram atacados em Rio Bonito, bairro rural de Botucatu (SP), às margens do Rio Tietê.

De acordo com a Guarda Civil Municipal (GCM), os ladrões levaram objetos como televisores, climatizadores, malas de viagem, ferramentas e botijões de gás. Com medo, os donos dos ranchos atacados preferiram não conversar com a reportagem da TV TEM.

Durante patrulhamento, por volta de 2h, os agentes da GCM encontraram um carro parado na Estrada Alcides Soares, um acesso para Botucatu que fica a 25 quilômetros de Rio Bonito.

Os guardas suspeitaram do veículo e encontraram o material roubado. Todos os objetos foram encaminhados à polícia, que os devolveu aos proprietários dos ranchos.

O carro utilizado no crime não tem registro por furto e foi recolhido pela polícia, que vai periciá-lo na tentativa de identificar os criminosos.

Alguns moradores admitem que os assaltos são frequentes no local, especialmente nos ranchos usados como local de veraneio e que ficam vazios durante a semana.

Alguns moradores, porém, temem que a falta de segurança incentive ataques de criminosos também a imóveis ocupados.

“A casa da minha irmã foi invadida e já levaram quase tudo, até a torneira. Por enquanto, entram com o rancho vazio, mas depois é capaz que comecem a entrar também com a gente na casa” , diz a professora Josi Ruas, moradora do local.

Para o delegado Celso Olindo, titular Delegacia de Investigações Gerais (DIG), a principal suspeita é que os ataques no bairro Rio Bonito sejam feitos, em sua maioria, por usuários de drogas, que buscam produtos para serem trocados por entorpecentes.

Fonte: G1

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes