Botucatu: Vendedor de verduras, atropelado por motociclista, completa 3 meses de internação em estado vegetativo

Há três meses, o vendedor de frutas e verduras, Marcos César Martins, de 53 anos, morador do Jardim Peabiru está em estado vegetativo, de acordo com os médicos, após ser atropelado por uma moto no dia 3 de agosto.

Os médicos do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu informaram a família que a lesão cerebral é severa e irreversível. A família afirma que acredita em um milagre e segue pedindo orações ” Para Deus nada é impossível.”, afirmou uma sobrinha de Marcos.

Sandra Regina acompanha o tio há 90 dias neste período de internação.

Relembre o caso

De acordo com Sandra Regina, sobrinha de Marcos, seu tio foi atropelado por um motociclista na noite do dia 3 de agosto, na alça de acesso que faz a ligação da Rodovia João Hipólito Martins ( Castelinho) com a Rodovia Marechal Rondon, em Botucatu.

Segundo o Boletim de Ocorrência, um motociclista de 22 anos, relatou que ao fazer o trevo sentido Centro de Botucatu – Rodovia Gastão Dal Farra, não teve tempo de frear sua motocicleta e atingiu o homem que caminhava pela pista.

O impacto do atropelamento foi tão forte, que Marcos foi socorrido inconsciente. Ele foi identificado no HC de Botucatu através de uns papeis que portava no momento do acidente. A família só foi localizada e informada sobre o acidente uma semana depois.

“Meu tio trabalha percorrendo os bairros da cidade vendendo frutas e verduras. Pensamos que ele estivesse trabalhando, mas estava internado entre a vida e a morte”, relatou Sandra.

As lesões foram muito graves com perfurações de diversos órgãos.

O caso foi registrado na Polícia Civil como Lesão Corporal Culposa na Direção de Veículo Automotor. A moto ficou bastante danificada e foi liberada para o proprietário que não sofreu ferimentos graves.

Leia Notícias

Scroll Up