Botucatu: Veja o comparativo da situação da Covid-19 entre Botucatu e Bauru, ambas rebaixadas para a Fase Vermelha

Logo que foi divulgado nesta sexta-feira, 26, pelo Governo de São Paulo o rebaixamento da Região de Bauru (que conta com 68 municípios), que Botucatu integra, para a fase Vermelha, a mais restritiva do Plano SP no combate a pandemia da Covid-19, voltaram as afirmações que Botucatu estava sendo prejudicada em função de Bauru.

O Jornal Leia Notícias fez um comparativo entre a situação atual das duas cidades, Botucatu e Bauru, para que os leitores possam tirar suas próprias conclusões.

De acordo com a projeção da estatísticas do IBGE / 2019, Bauru conta com 376.818 habitantes e Botucatu com 146.497 habitantes.

No momento, Bauru registra 1.170 casos positivos, 27 óbitos e 558 curados. Botucatu soma 579 casos positivos, 15 óbitos e 369 curados.

Em relação a testes realizados na comunidade, na noite de quinta-feira, 25, o Secretário de Saúde de Botucatu divulgou 7.800 exames. Bauru, em sua página no Facebook, informa 4.773 testes realizados.

Levando em consideração os números divulgados pelas prefeituras dos dois municípios no dia 25 de junho, a comparação foi realizada em cima de casos por 100 mil habitantes (o total de Bauru foi dividido por 3,77 e o total de Botucatu por 1,47):

Casos Positivos

Bauru – 310,35 positivos por 100 mil habitantes

Botucatu – 393,88 positivos por 100 mil habitantes

Testes realizados por mil habitantes

Bauru – 12,67 testes realizados por mil habitantes

Botucatu – 53,24 testes realizados por mil habitantes

Óbitos

Bauru – 7,16 óbitos por 100 mil habitantes

Botucatu – 10,21 óbitos por 100 mil habitantes (6,12 óbitos se não forem contabilizadas as mortes nas casas de repouso que tiveram o surto da doença)

Curados

Bauru – 148 por 100 mil habitantes

Botucatu – 251 por 100 mil habitantes

O Jornal Leia Notícias também fez um comparativo do aumento percentual de casos, entre Botucatu e Bauru, entre os dias 15 e 25 de junho (período que as cidades foram colocadas na Fase Laranja do Plano SP).

Casos confirmados

Bauru – aumento de 104%

Botucatu – aumento de 32%

Óbitos

Bauru – aumento de 50%

Botucatu – aumento de 50%

Curados

Bauru – aumento de 107%

Botucatu – aumento de 31%

Taxa de ocupação de leitos de UTI

Em relação a leitos de UTI ocupados nos hospitais públicos de Bauru e Botucatu, também foi feita uma comparação na data de 25 de junho. É importante destacar que ambos os hospitais são referências na tratamento da Covid-19 e atendem pacientes de outras cidades da região.

Ocupação de leitos de UTI exclusivos para Covid-19

Hospital Estadual de Bauru – 77% de ocupação

Hospital das Clínicas de Botucatu – 53% de ocupação

Confira os setores autorizados a funcionar na Fase 1 (Vermelha)

  • – Saúde: hospitais, clínicas, farmácias, clínicas odontológicas, lavanderias e estabelecimentos de saúde animal.
  • – Alimentação: supermercados, hipermercados, açougues e padarias, lojas de suplemento, feiras livres. É vedado o consumo no local.
  • – Bares, lanchonetes e restaurantes: permitido serviços de entrega (delivery) e que permitem a compra sem sair do carro (drive thru). Válido também para estabelecimentos em postos de combustíveis.
  • – Abastecimento: cadeia de abastecimento e logística, produção agropecuária e agroindústria, transportadoras, armazéns, postos de combustíveis e lojas de materiais de construção.
  • – Logística: estabelecimentos e empresas de locação de veículos, oficinas de veículos automotores, transporte público coletivo, táxis, aplicativos de transporte, serviços de entrega e estacionamentos.
  • – Serviços gerais: lavanderias, serviços de limpeza, hotéis, manutenção e zeladoria, serviços bancários (incluindo lotéricas), serviços de call center, assistência técnica de produtos eletroeletrônicos e bancas de jornais.
  • – Segurança: serviços de segurança pública e privada.
  • – Comunicação social: meios de comunicação social, inclusive eletrônica, executada por empresas jornalísticas e de radiodifusão sonora e de sons e imagens.
  • – Construção civil, agronegócios e indústria: sem restrições.

*Atualizado com os dados do IBGE / 2019

Leia Notícias

Scroll Up