Botucatu: VAS realiza monitoramento aéreo para fiscalizar piscinas e caixas d´água que possam servir de criadouros do mosquito da dengue

A Vigilância Ambiental em Saúde de Botucatu vem realizando o monitoramento aéreo de imóveis com difícil acesso através do uso de um drone.

O objetivo é identificar situações de risco e intervir de maneira oportuna para impedir possíveis agravos à saúde pública.

Piscina sem tratamento adequado, caixa d’água sem tampa, materiais em condições de acumular água da chuva, são potenciais criadouros de mosquitos que, através do monitoramento aéreo, são identificados e os responsáveis notificados para sanar as irregularidades e tornar o ambiente impróprio à proliferação do Aedes aegypti e de outros animais sinantrópicos.

Leia Notícias

Scroll Up