Atualizado: Botucatu terá quatro candidatos nas eleições: Fernando Cury, Fernando Espanhol e Giovanni Mockus (Estadual), e Daniel Carvalho (Federal); Rose e Mário Ielo não aparecem como candidatos no TSE

A Cidade de Botucatu terá quatro candidatos disputando as eleições de 7 de outubro: Fernando Cury (PPS) – que busca a reeleição para deputado estadual -, Fernando Espanhol (MDB) – deputado estadual – , Giovanni Mockus (REDE), para deputado estadual, e Daniel Carvalho (PSOL), que disputa uma vaga na Câmara, como deputado federal.

Além deles, Milton Monti (PR), que é da Cidade de São Manuel, mas conta com escritório em Botucatu, também busca a reeleição como deputado federal. Outro nome que concorrerá, que tem ligações com Botucatu, é Jean Brito, pelo partido Avante, como deputado estadual. Apesar de residir em Botucatu há mais de 30 anos, Brito tem a cidade de Pardinho, onde trabalhou por muitos anos como Policial Militar, como seu domicílio eleitoral.

Os nomes de Fernando Cury, Fernando Espanhol, Giovanni Mockus, Daniel Carvalho, Jean Brito e Milton Monti aparecem na listagem divulgada no site do TSE, nesta quinta-feira, 16, como candidatos.

O que chamou a atenção foi a ausência do casal Ielo. Nos últimos meses os nomes do ex-Prefeito, Mário Ielo, e da vereadora Rose Ielo, ambos do PDT, apareciam entre os pré-candidatos da Cidade. Mário disputaria eleição para Deputado Estadual e Rose para Federal, porém eles não estão na listagem no site do TSE. A data limite para o registro de candidaturas foi dia 15 de agosto.

A reportagem tentou contato com o ex-Prefeito e com a vereadora, mas não conseguiu falar com nenhum dos dois.

 

Leia Notícias