Botucatu: Prefeitura inicia vistoria preventiva contra a dengue em prédios públicos

Prédios na região Norte serão os primeiros a receber as equipes de limpeza

A equipe de limpeza predial e a Zeladoria da Prefeitura de Botucatu começaram nesta sexta-feira, 06, a vistoria em prédios públicos com o objetivo de limpar e eliminar possíveis criadouros de mosquito Aedes aegypti.

A ação foi realizada, em um primeiro momento, na Escola Luiz Carlos Aranha Pacheco e na Unidade de Saúde do Jardim Iolanda. Na vistoria, a equipe da Zeladoria verificou principalmente as calhas e eliminou sujeiras que pudessem obstruir a passagem da água.

“Na luta contra a dengue, cada um tem que fazer a sua parte. Nós pedimos a colaboração da população para vistoriar os quintais, verificar calhas e ralos. Por isso, para dar o exemplo, estamos fazendo o mesmo em nossos prédios públicos. Esta deve ser uma ação conjunta para combater a dengue”, destacou o Prefeito Mário Pardini.

A Escola Luiz Carlos Aranha Pacheco, situada no Jardim Paraíso, foi escolhida para o início das operações por estar em uma região com alta concentração de casos de dengue.

“A escola não atua apenas com temas tradicionais, questões sociais e da comunidade também são trabalhadas, como no caso da dengue. Os alunos são nossos multiplicadores, tudo que informamos e trabalhamos com eles na escola, eles podem transmitir as famílias e é exatamente que queremos fazer com a dengue, multiplicar conteúdo para obter resultados gerais”, Ana Teresa Rossi Diretora da Escola Pacheco.

A vistoria e limpeza dos prédios públicos segue na próxima semana, principalmente na região Norte, onde se concentram quase metade dos casos de dengue de Botucatu.

Comunicação