Botucatu: Período chuvoso contribui para o aumento de cobras

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

As chuvas são importantes na vida das pessoas e para os biomas mas, com os benefícios, há também perigos. Nessa época de precipitações instáveis, a quantidade de cobras se multiplica em áreas urbanas e rurais, devido à maior incidência de seu principal alimento, o rato.

Nos últimos dias, dezenas de botucatuenses foram surpreendidos com a presença de cobras em diversos bairros da cidade. No Comerciários, uma espécie não venenosa foi encontrada em uma árvore de Natal. Cambuí, Vila dos Lavradores, Itamaraty e Lavapés também estão na lista de bairros onde as serpentes foram capturadas.

De acordo com os especialistas nessa época do ano as cobras procriam mais. Isso porque “os animais armazenam sêmen e só o liberam quando há possibilidade de o filhote ter comida”. O alimento, no caso, é o rato, que se multiplica com o maior acúmulo de lixo. Com as festas de final de ano e as férias a produção de lixo é maior e a falta de cuidados com o descarte correto também.

Segundo dados do Instituto Butantan, local de pesquisas e estudos de ofídios, a maioria das serpentes brasileiras são de porte médio. Por isso as partes baixas do corpo são as mais atingidas nas picadas, sendo 70% os pés e pernas, 13% mãos e antebraços e 17% outras áreas.

A Vigilância Ambiental em Saúde atende de segunda a sexta-feira das 7h às 17h através do 14 38135055. Após o horário comercial, finais de semana e feriados o plantão será acionado através da Guarda Civil Municipal (199).

Leia Notícias – Foto VAS Botucatu

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes