Botucatu: Nova empresa de autopeças do Grupo Caio deve ser instalada no Distrito Industrial

O Grupo Caio Induscar pode instalar uma nova indústria direcionada para o setor de autopeças e está negociando com a Prefeitura de Botucatu, uma grande área de aproximadamente 40 mil metros para a produção.

A nova empresa vai fabricar peças externas para carros e caminhões com plástico injetável. Essa empresa já está funcionado com 50 empregados, mas precisa ampliar rapidamente a produção para atender a demanda de contratos de fornecimentos que estão sendo negociados.

O prefeito Mário Pardini contou em entrevista à Rádio Clube FM que vem mantendo contato com os dirigentes da Caio Induscar em Botucatu, que garantiram a ele a ampliação e contratação de 150 a 200 novos funcionários no setor.

“Essa empresa tem oferta de áreas em Betim, em Minas Gerais e nós estamos nos esforçando para manter o negócio em Botucatu. Existem áreas em nosso Distrito Industrial e vamos ajustar algumas situações para atendermos a demanda empresarial e gerar mais emprego na Cidade”.

Pardini contou que está acertando uma área de aproximadamente 40 mil m² para ceder, após aprovação na Câmara Municipal ao grupo Caio, que emprega mais de 6 mil funcionários na cidade, na produção de ônibus.

A Caio com essa nova empresa passaria a ampliar o leque de atuação no mercado automotivo, atendendo o setor de autopeças de veículos e caminhões.

Segundo fontes do Botucatu Online, a Scania do Brasil e a Fiat estão entre os clientes que se interessaram pelos produtos dessa empresa de plástico injetável que produz diversas peças como frisos, para-choques entre outros itens.

Fonte: Botucatu Online/Haroldo Amaral

Scroll Up