Botucatu: Meninos contam detalhes sobre pedófilo em Ecosport preta; Após se masturbar, idoso apontou arma para as crianças

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Mais informações sobre o caso do pedófilo do carro preto chegaram para a redação do Jornal Leia Notícias, neste sábado (19).

O relato foi feito por um menino de 10 anos, vítima na tarde da sexta-feira (18), do atentado violento ao pudor.

Acompanhado de sua mãe, o menor relatou com detalhes os momentos de terror que ele e seus amigos, de 11 e 12 anos, passaram ao sair para um passeio de bicicleta na região do Marajoara.

O crime foi cometido por volta das 15h. Três meninos saíram para andar de bicicleta sentido Central Parque. Lá foram seguidos por um homem de cabelos brancos “penteado para o lado”, vestindo camisa rosa, calça social preta e sapato social de cor escura. Ele tem estatura média, não é gordo e nem muito magro.

Os meninos estavam indo sentido a um lago, em uma região de área verde. Logo que chegaram lá, o idoso que havia estacionado o carro Ford/ Ecosport de cor preta, com um cartaz de “VENDE-SE” em frente de duas empresas, apareceu pelo outro lado da trilha que leva até o lago.

O pedófilo disse aos meninos que eles podiam nadar sem problema. Uma das vítimas relatou que o idoso ” tinha a boca torta”, mas não sabe dizer se é por alguma deficiência ou se estava sob efeito de álcool ou entorpecente.

Com as crianças nandando, o homem fingiu que estava descartando uma caixa de papelão na área verde. Quando ele virou de frente para os meninos, estava com o pênis de fora e se masturbou na frente das crianças.

Assustado, um dos meninos arremessou um chinelo no pedófilo. Neste momento, o homem sacou uma arma e apontou para as crianças que sairam correndo.

Eles ficaram 20 minutos escondidos atrás de árvores para fugir do abusador.

Local onde os meninos foram assediados Reprodução Google Maps

Ao retornar para a casa contaram aos pais que imediatamente acionaram as forças policiais, que realizaram patrulhamento da região. Porém, ainda não conseguiram elaborar um Boletim de Ocorrência na Polícia Civil.

Uma novidade no caso, é que o assediador estacionou o veículo em frente de duas empresas que possuem câmeras de seguranças. De acordo com as vítimas, as imagens podem trazer uma definição para o casos de assédio contra crianças nas últimas semanas.

Leia Notícias

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes