Botucatu: Médicos e profissionais de Saúde do HC denunciam “fura-fila” na vacinação contra a Covid

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Grupos de profissionais da Saúde do Hospital das Clínicas de Botucatu, que atuam diariamente com pacientes diagnosticados com Covid-19, estão denunciando que está ocorrendo “fura-fila” na vacinação da CoronaVac na unidade de Saúde.

O Jornal Leia Notícias recebeu diversas denúncias que médicos e professores aposentados da Unesp, profissionais de Saúde que não trabalharam na linha de frente do combate à Covid-19, foram vacinados.

O HC de Botucatu recebeu 4.400 doses para a vacinação dos profissionais, mas essa quantidade é menos da metade do necessário para atender exclusivamente aqueles envolvidos com atividades no complexo HC, que conta com número aproximado de 5 mil pessoas, pois serão vacinadas apenas 2.200 pessoas com esta remessa, recebendo a primeira e a segunda dose.

Em função dos problemas de fura-fila e insatisfação de profissionais da Saúde, a Superintendência do HC divulgou um comunicado interno, que foi enviado por profissionais ao Jornal Leia Notícias.

Neste comunicado, o HC confirma que o número de vacinas atual é insuficiente para atender os 5 mil funcionários, e que será feita lista de nomes dos profissionais que poderão ser vacinados.

A Superintendência encerra a nota dizendo que irá trabalhar para que não ocorra novos incidentes e pede calma para todos os envolvidos. “Esclarecemos que a Superintendência e esta Comissão estão trabalhando de forma intensa e não medirá esforços para que o restante deste processo ocorra sem novos incidentes. Solicitamos calma a todos os envolvidos de forma direta e indireta, uma vez que todos serão vacinados. Para isso, contaremos com o auxílio da Prefeitura Municipal de Botucatu e da Secretaria de Estado da Saúde de SP”.

Abaixo a íntegra do Comunicado do Hospital das Clínicas de Botucatu

COMUNICADO nº. 04/2021 – SHCFMB

A Superintendência do HCFMB e a Comissão de Avaliação e Indicação para o Uso da Vacina contra a COVID – 19 para os funcionários do Complexo HCFMB esclarecem alguns pontos debatidos amplamente pela comunidade de colaboradores e médicos do HC nos últimos dois dias, desde o início da vacinação contra a COVID – 19:

I. A vacinação realizada durante a solenidade, no dia 18/01, foi solicitada pelo cerimonial do governador João Doria Junior, incluindo algumas pessoas e os envolvidos no atendimento de pacientes COVID – 19 positivos;

II. Após a solenidade, foi iniciada a vacinação para os servidores do Pronto Socorro Referenciado – PSR e no dia seguinte (19/01) esta comissão foi formalizada e elaborou lista de prioridades iniciadas em 19 e 20/01;

III. A partir de hoje (20/01) foi informado pela Secretaria de Estado da Saúde que o HC recebeu 4.400 unidades da vacina, para a aplicação da primeira dose (D1) e segunda dose (D2), atendendo, portanto, apenas 2.200 colaboradores neste momento. Este número é insuficiente para atingir todos os envolvidos com atividades no complexo HC, que conta com número aproximado de mais de 5 mil pessoas;

IV. Frente a essa informação, esta Comissão definiu alguns critérios para dar continuidade ao processo de vacinação, estabelecendo que hoje (20/01) será divulgada uma lista com cerca de 1.000 (mil) nomes, elaborada pela Diretoria de Assistência, de pessoas que deverão comparecer ao CRIE nos dias 21 e 22/01, das 7h às 21h para receberem a primeira dose;

V. Estão sendo convocados profissionais que tem atividades frequentes e prolongadas com pacientes que estejam ou possam estar com diagnóstico de COVID – 19.

VI. Nova lista com número semelhante de profissionais será divulgada amanhã (21) ou sexta-feira (22), com os nomes de quem deverá receber a primeira dose nos dias 25 e 26/01 também no CRIE, nos mesmos horários. Nesta lista deverão estar profissionais do Centro Cirúrgico, Hemodinâmica, Endoscopia, áreas não covid e multiprofissionais.

Posteriormente, teremos listas complementares até o encerramento desta fase, estimada para ocorrer na próxima semana.

Esclarecemos que a Superintendência e esta Comissão estão trabalhando de forma intensa e não medirá esforços para que o restante deste processo ocorra sem novos incidentes.

Solicitamos calma a todos os envolvidos de forma direta e indireta, uma vez que todos serão vacinados. Para isso, contaremos com o auxílio da Prefeitura Municipal de Botucatu e da Secretaria de Estado da Saúde de SP.



Agradecemos a compreensão,

Superintendência do HCFMB, 20 de janeiro de 2021.

Letícia Lastória Kurozawa

Presidente da Comissão e Responsável pelo CRIE

Prof. Assoc. Andre Balbi

Superintendente do HCFMB

Jornal Leia Notícias

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes