Botucatu: Jovem que vende balas em semáforo ameaça e ofende mulher que estava “em seu ponto”. GCM foi acionada

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Uma mulher, que trabalha como ambulante no semáforo na Avenida Vital Brazil, no Centro de Botucatu, foi ameaçada e sofreu agressões verbais de um jovem ambulante que também vende balas no mesmo local, na manhã desta sexta-feira, 14.

De acordo com informações passadas ao Jornal Leia Notícias, o jovem não aceita que outras pessoas fiquem no “ponto dele”, e teria chamado a sua esposa para ajudá-lo nas ameaças e intimidações contra a mulher que estava desde às 8 horas no local oferecendo balas aos motoristas.

Segundo uma testemunha, o jovem ficou bastante alterado e chegou a “partir para cima” da mulher, mandando ela sair do semáforo. Com medo, a mulher acionou a Guarda Civil Municipal e irá registrar um Boletim de Ocorrência contra o agressor.

Quando soube que a GCM estava a caminho, o jovem agressor deixou o local e não foi encontrado.

Uma funcionária, que trabalha próximo do local, disse que motoristas já se sentiram intimidadas pelas atitudes do mesmo jovem, quando negam comprar os produtos que ele oferece. “As vezes as pessoas acham engraçado o bilhete ou tem dó por ele ser novo, mas não sabem a realidade, o que está ocorrendo. Essa não é a primeira vez que ele gera algum problema”, lamentou.



Leia Notícias

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes