Botucatu: Hemocentro do HC recebe atiradores do Tiro de Guerra de Botucatu para doação de sangue

Trazer amor e solidariedade para quem mais precisa. Esta é a definição da visita realizada pelo Tiro de Guerra 02-048 de Botucatu, nos dias 29 e 30 de março, ao Hemocentro do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB), ocasião em que cerca de 100 atiradores realizaram uma doação de sangue.

O 1º Sargento Jonatan Michel da Silva Denkio, Chefe de Instrução do TG 02-048 de Botucatu, comentou que esta ação reafirma os propósitos da campanha “Ajudar está no nosso sangue”, instituída pelo Exército Brasileiro. “A doação de sangue é uma atividade voluntária que conscientiza o atirador para a importância de ajudar a sua comunidade. Além disso, a doação fortalece os níveis do estoque de sangue do Hemocentro e inspira os atiradores para serem doadores frequentes, mesmo após o seu desligamento do Tiro de Guerra no final do ano”.

Alba Cristina Albano, enfermeira técnica responsável pelo Hemocentro, afirma que a doação de sangue é um compromisso social e o Tiro de Guerra de Botucatu contribui há muitos anos com o fortalecimento dos estoques. “Cada doação pode salvar a vida de até quatro pessoas. Ao enxergar as necessidades do próximo e fazer algo para supri-las, nos tornamos mais justos e igualitários e, quando doamos sangue, fornecemos um produto essencial para a sobrevivência das pessoas. A campanha do TG de Botucatu é significativa, solidária e um ato de amor para com o próximo”, finaliza.

Comunicação