Botucatu: Escolas recebem orientações sobre volta das aulas presenciais no dia 2 de agosto e aguardam o decreto da Prefeitura

As férias de julho estão na reta final e muitas famílias buscam informações sobre como será a educação no município neste segundo semestre do ano letivo de 2021.

De acordo com informações repassadas para as escolas particulares, com o avanço da vacinação e queda dos índices da pandemia da Covid- 19, as aulas presenciais para os alunos das escolas públicas e privadas, da Educação Infantil e Ensino Fundamental I, retornam no dia 2. Há também uma sinalização da volta do Ensino Fundamental II e Ensino Médio para a mesma data. Porém, ainda não há nenhum informação de quando sairá o decreto que normatiza a volta das aulas. Até lá, escolas, alunos e familiares ficam sem uma definição sobre o assunto.

O comunicado assinado pela Secretária de Educação Cristiane Amorim Rodrigues, ainda dizia que ” o distanciamento mínimo de um metro entre as pessoas durante as atividades em salas de aulas deve ser mantido, bem como entre os horários de entrada, saída, intervalo e demais atividades escolares.”

Cada unidade escolar deverá levar em conta a sua própria capacidade física para receber os alunos e servidores em segurança, isto é, com o distanciamento de um metro entre as pessoas. O uso de EPIs e a aferição da temperatura são essenciais e os protocolos sanitários devem ser seguidos.

O retorno continuará sendo facultativo aos pais/alunos, portanto o ensino permanecerá híbrido. Se o interesse por aulas presenciais for maior que a disponibilidade de oferta, as unidades escolares devem oferecer ensino através de rodízio.

Leia Notícias

Scroll Up