Botucatu: Central Coronavírus – munícipes reclamam da falta de respostas e demora para realizar os testes e para entrega de resultados

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

A demora para a divulgação dos laudos, de pacientes testados para Covid-19 em Botucatu, pela Central Coronavírus, tem causado transtorno, medo e o risco de aumentar os infectados na cidade.

O Jornal Leia Notícias recebeu diversas denúncias nos últimos dias sobre falta de eficiência do sistema na Cidade.

Uma das famílias denunciantes informou que um homem de 30 anos testou positivo em um laboratório particular da cidade. Após perder o paladar e o olfato ele pagou pelo exame e teve o resultado no mesmo dia. Na casa, reside mais duas mulheres, de 58 e 28 anos, sem sintomas.

Eles seguiram os protocolos e passaram pela testagem da Prefeitura de Botucatu. Foram orientados a ficar em isolamento domiciliar e somente três dias após acionarem a Central que as equipe foi até a residência para testar as mulheres e fazer a contraprova no homem que havia testado positivo. O resultado das duas mulheres demorou quase uma semana para sair e elas foram informadas, apenas por telefone, que deu negativo, apesar da informação inicial é que o resultado sairia em até 48 horas após o teste.

Segundo eles, o problema é que sem o laudo oficial que comprove o teste negativo, a mulher de 28 anos não pode voltar ao trabalho.

“Os telefones da Central Coronavírus simplesmente não atendem. Me disseram que existem dois números de Whatsapp específicos para resultados e laudos, mandei mensagem e nem visualizam”, reclamou a mulher.

A contraprova do homem infectado também não saiu. Sem esse documento ele também não pode retornar ao trabalho e perderá mais dias de serviço, mesmo tendo passado o tempo do isolamento obrigatório.

Outras denúncias apontam que a demora para o resultado dos testes serem liberados coloca em riso o aumento da disseminação do vírus. “Tem muita gente irresponsável que está saindo de casa, encontrando outras pessoas antes de receber o resultado, que demora uma semana ou até mais”, aponta uma das denunciantes.

“Tenho vizinhos que fizeram o teste, mas disseram que só irão começar a quarentena obrigatória quando estiver com o resultado positivo na mão”, disse um morador do Centro.

Jornal Leia Notícias

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes