Botucatu: Avó diz que corpo encontrado é da jovem Júlia, desaparecida desde o início de abril

Dona Ivone, avó da jovem Júlia Raquel Gouveia, de 18 anos, que estava desaparecida desde o dia 5 de abril, informou à reportagem do Jornal Notícias que o corpo encontrado na manhã deste domingo, 08, na Estrada Rural Geraldo Biral, em Botucatu, é da sua neta.

O Corpo de Bombeiros e a Polícia Civil foram acionados após informações que o corpo de Júlia Raquel estaria em um barranco, naquele local. Os familiares foram chamados para fazer a identificação do corpo, que está em estado de decomposição.

A família revelou que Júlia estava desaparecida desde o dia 5 de abril, que fazia tratamento para esquizofrenia e estava sem fazer uso da medicação durante todos esses dias. Ela morava com a mãe na Rua Sebastião Gonçalves Cunha, no Jardim Ciranda.

Nos últimos dias, um perfil falso na internet enviou mensagens para o Jornal Leia Notícias, após a divulgação da matéria do desaparecimento da jovem, informando o paradeiro do corpo. A reportagem encaminhou as mensagens para a família. Um outro perfil falso também enviou mensagens para familiares.

Jornal Leia Notícias