Boituva confirma dois casos da variante delta do coronavírus

A Secretaria da Saúde de Boituva (SP) confirmou, nesta sexta-feira (10), os dois primeiros casos da variante delta do coronavírus na cidade. Segundo a prefeitura, a informação veio por meio da identificação do Instituto Butantan, e os casos estão sendo monitorados pelo município.

Em nota divulgada pelas redes sociais, a prefeitura de Boituva reforçou que a variante delta tem um alto nível de transmissão e que todos os protocolos sanitários precisam ser redobrados para evitar a disseminação da Covid-19.

As cidades de Itapetininga, Itaporanga, Taquarituba e Guareí também registraram casos da variante delta do coronavírus entre os moradores. Em Itapetininga, o primeiro caso registrado foi em uma moradora que não tinha se vacinado contra a doença.

Em nota, a Secretaria Estadual de Saúde informou que a variante delta é classificada como “variante de atenção” pelas autoridades sanitárias devido à possibilidade de aumento de transmissibilidade ou gravidade da infecção, por exemplo.

Disse ainda que o balanço do Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE) identificou, até 8 de setembro, três casos autóctones de beta, 36 de alpha, 1.409 de delta e 2.050 de gamma em todo o estado.

Segundo a SES, “as medidas já conhecidas pela população seguem cruciais para combater a pandemia do coronavírus: uso de máscara, que é obrigatório em SP; higienização das mãos (com água e sabão ou álcool em gel); distanciamento social; e a vacinação contra a Covid-19.”

Fonte: G1

Scroll Up