Ataque a bomba a ônibus escolar em Burkina Faso deixa 14 mortos e 9 feridos

Um ataque a bomba a um ônibus escolar no norte de Burkina Faso deixou 14 mortos e 9 feridos neste sábado (4), informou a agência de notícias Reuters. Segundo fontes policiais e de segurança, o ataque ocorreu na província de Sourou, próxima à fronteira com o Mali.

O ônibus levava crianças que voltavam de uma folga escolar. Ainda não se sabe quem foi o responsável pelo ataque nem quantos dos mortos eram crianças.

Desde 2015 Burkina Faso tem sido alvo de inúmeros ataques que já provocaram 750 mortes, segundo informações da Rádio França Internacional. O norte e o leste são as áreas mais afetadas. Uagadugu, a capital, já sofreu três atentados.

Grupos ligados à Al-Qaeda e ao Estado Islâmco aumentaram os ataques na região nos últimos dois anos. No dia 24 de dezembro, 35 civis, principalmente mulheres, foram mortos em um ataque a um posto militar em Soum, também no norte do país. Autoridades disseram que cerca de 87 militantes e membros de forças de seguranças locais foram mortos no confronto.

Burkina Faso perdeu sua reputação como um bolsão de relativa calma na região do Sahel. Uma insurgência doméstica foi amplificada por um surto de violência e crimes de militantes do Mali.

Ataques ao longo do ano passado mataram centenas e forçaram quase um milhão de pessoas a deixarem suas casas.

Fonte: Yahoo!

Scroll Up