Artigo: Mais um novembro para reforçar uma grande luta – por Fernando Cury

Toda doença é angustiante. Sofre o portador, sofre junto a família.

Todos os que acompanham de perto minha atuação parlamentar sabem que a saúde sempre foi uma prioridade do meu mandato como deputado estadual. E trabalhar pela saúde é mais que conquistar recursos, é buscar soluções que possam permitir que as pessoas precisem menos de hospitais e tenham mais qualidade de vida.

Quando mobilizei a Assembleia Legislativa de São Paulo para a criação da Frente Parlamentar de Combate ao Diabetes, em 2015, no início do meu primeiro mandato como deputado estadual, a ideia era gerar conscientização e diagnóstico precoce para salvar vidas. Em seguida estruturamos a caravana azul, que percorreu diversas regiões do Estado propagando o tema e ouvindo sugestões da sociedade.

Estamos conseguindo avançar bem nessa questão, com o apoio de diversas entidades e instituições que abraçam essa nobre causa. O diabetes é uma das dez principais causas de morte no Brasil. Muitas delas por causa do diagnóstico tardio, que pode favorecer problemas cardíacos e renais, além de ocasionar perda de visão, amputações de membros e outras complicações de saúde.

Nosso país ocupa a terceira posição entre os países com mais casos diagnosticados entre crianças e adolescentes. Entre adultos de 20 a 79 anos, somos o quinto do mundo, com 16,8 milhões de doentes adultos.

Para salvar vidas e garantir qualidade de vida para os grupos de risco é preciso implantar políticas públicas que conscientizem sobre a importância dos testes de detecção precoce e os fatores de risco, como a necessidade de mudança de hábitos alimentares e o estímulo às atividades físicas em todas as faixas etárias, além de orientação e dos meios para um bom controle glicêmico.

Como deputado, dentre as ações desenvolvidas pela Frente Parlamentar, propus cinco projetos de lei, sendo dois deles já transformados em lei, que fortalecem o enfrentamento do diabetes em solo paulista. Os outros três ainda estão tramitando na Assembleia Legislativa. São medidas simples, mas de grande alcance, que colaboram para cercar, por todos os lados, o crescimento do número de casos da doença no estado de SP.

A primeira lei instituiu a Semana Estadual de Prevenção, Controle e Combate ao Diabetes (de 8 a 14 de novembro) com a promoção de eventos de conscientização, testes de glicemia, medição da pressão arterial, atividades físicas e alimentação adequada. A segunda assegurou aos alunos com diabetes da rede estadual um cardápio de alimentação especial na merenda escolar, adaptado à sua condição de saúde.

O Novembro Diabetes Azul é uma campanha mundial muito importante, é o momento de realizar com força e de fazer acontecer em todos os lugares ações que permitam diagnosticar casos ainda ocultos e levar informação para garantir mais qualidade de vida para aqueles que são portadores. É a hora de plantar saúde, regar com informação e ver germinar mais uma etapa de um novo tempo. Um tempo de esperança. Um tempo de ação. De responsabilidade.

*Fernando Cury é filho do Jamil e da Erô, irmão da Jamila, do João, do Júnior e da Renatinha, marido da Renata e pai do Nando e do Fred. Foi eleito deputado estadual de São Paulo em 2014 e reeleito em 2018. Seu corre é na estrada em busca de uma vida melhor para as pessoas. #tamojunto

Scroll Up