Andrés muda postura e entrará em disputa eleitoral no Corinthians

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Andrés Sanchez decidiu contragolpear. Alvo de críticas, articulações políticas de opositores e até uma ação judicial para afastá-lo do cargo nas últimas semanas, o presidente do Corinthians mudou de postura e agora promete participar ativamente do processo eleitoral do clube.

Em entrevista coletiva nesta sexta-feira, o dirigente não revelou qual candidato irá apoiar, mas avisou que estará na campanha. Até então, Andrés dizia que não se envolveria na eleição do Corinthians, marcada para 28 de novembro.

– Eu não queria me envolver politicamente ativamente, primeiro porque não temos candidato e, segundo, porque não queria tomar partido. Felizmente ou infelizmente, rejuvenesci 20 anos, eu não sou candidato e só me atacam. Então, sou obrigado a entrar na política, vou entrar como se fosse a primeira vez e vou participar ativamente da política até o fim do ano – disse Andrés.

O Grupo Renovação e Transparência, fundado por Andrés e que está no comando do clube desde 2007, ainda não definiu se terá candidato próprio. A tendência é que o atual diretor de futebol, Duílio Monteiro Alves, represente a chapa na disputa presidencial.

Há, porém, uma possibilidade de composição com Paulo Garcia, conselheiro do Timão cujo grupo político deu sustentação ao mandato de Andrés.

– Se o grupo decidir ter candidato, vamos lançar. Se o grupo decidir apoiar alguém, vamos apoiar – falou o presidente.

Fonte: G1

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes