28 fevereiro, 2024

Últimas:

Alemanha enviará ‘meio batalhão’ de tanques para a Ucrânia

Anúncios

A Alemanha anunciou, nesta quarta-feira (15), que vai enviar “meio batalhão” de tanques Leopard 2 para a Ucrânia em março, em um momento de dificuldades entre os países da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) para reunir os blindados prometidos.

O pedido da Ucrânia aos países da Otan para a entrega dos tanques pesados Leopard 2, produzidos na Alemanha, gerou grandes discussões, mas até agora as promessas têm se mostrado difíceis de cumprir.

Anúncios

Em janeiro, a Alemanha havia prometido colocar à disposição da Ucrânia um batalhão de 30 ou 31 tanques Leopard 2, modelo A6, a serem tripulados por soldados ucranianos especificamente treinados na Europa.

O ministro da defesa alemão, Boris Pistorius, admitiu, porém, nesta quarta-feira, na sede da Otan que isso não vai acontecer.

Anúncios

“Sejamos claros: não chegaremos a um batalhão. Será meio batalhão”, disse ele em uma entrevista coletiva.

Segundo o ministro alemão, a Alemanha deve fornecer 14 tanques Leopard 2 A6, além de outros três exemplares fornecidos por Portugal.

Por sua vez, a Polônia se comprometeu a contribuir com um batalhão completo de tanques Leopard, embora de um modelo mais antigo.

No entanto, o presidente polonês se reuniu com o chefe da Otan, mas não deu nenhuma indicação de quando essa transferência de veículos blindados poderia acontecer.

De acordo com Pistorius, o ministro da Defesa ucraniano, Oleksii Reznikov, está “satisfeito” com o fornecimento de um batalhão de tanques, acrescentando que as negociações continuarão durante uma conferência de segurança em Munique a partir de sexta-feira.

Foi mencionado o fornecimento de 14 tanques Leopard 2 por parte da Holanda, mas esses veículos blindados estão mobilizados para a brigada alemã-holandesa, explicou o ministro alemão.

A Noruega anunciou na terça-feira o fornecimento de oito tanques Leopard 2 e quatro veículos de apoio à Ucrânia, mas sem especificar a data da entrega.

A Ucrânia também deve receber cerca de 100 tanques Leopard 1 mais antigos, mas reformados, “nos próximos meses”, anunciaram os ministros da Defesa de Alemanha, Holanda e Dinamarca no início de fevereiro.

Vários modelos de tanques Leopard de fabricação alemã podem ser encontrados, em vários níveis de manutenção, em uma dúzia de exércitos de países da Otan.

O chefe da diplomacia da UE, Josep Borrell, fez um apelo nesta quarta-feira aos “países europeus que possuem tanques modernos: tirem a poeira deles nos quartéis. Entreguem-os à Ucrânia!”

Fonte: Yahoo!

Últimas

Consórcio inicia ano acelerado e cresce mais de 10%

28/02/2024

Quase R$ 28 bilhões em negócios com 370 mil cotas vendidas em janeiro e mais de...

Categorias