Acidente deixa 4 mortos após carro sair da pista, capotar e ficar submerso em local alagado no RS, diz PRF

Quatro pessoas da mesma família morreram após um acidente de trânsito, neste sábado, na BR-116, em Capão do Leão, Sul do Rio Grande do Sul. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o veículo saiu de pista, capotou e ficou submerso em um local alagado na altura do km 550.

Os ocupantes do carro – um homem de 41 anos, uma mulher de 46, a filha de seis e o filho de quatro anos – morreram no local. O veículo, registrado em Jaguarão, seguia no sentido Capital/Interior.

Na noite de sábado, a Universidade Federal do Pampa (Unipampa) confirmou que as vítimas são a professora da instituição Adriana Pisoni da Silva, o marido Antonio Carlos Rocha Azambuja e os filhos do casal.

Vítimas são Antonio Carlos, Adriana e os filhos (Foto: Reprodução/Facebook)

Alunos do curso de Tecnologia em Gestão do Turismo, do qual Adriana era coordenadora, lamentaram o acidente nas redes sociais.

As causas do acidente ainda estão em análise. O Instituto-Geral de Perícias foi acionado. Conforme os agentes que atenderam a ocorrência, chovia forte no local.

O trânsito no trecho já foi liberado.

Veículo saiu da pista na altura do km 550 da BR-116, em Capão do Leão — Foto: PRF/Divulgação
Veículo saiu da pista na altura do km 550 da BR-116, em Capão do Leão (Foto: PRF/Divulgação)

Nota da Unipampa:

“A Comunidade da Universidade Federal do Pampa (Unipampa) lamenta os falecimentos da docente Adriana Pisoni da Silva, de seu esposo, Antonio Carlos Rocha Azambuja, e dos filhos do casal, de 6 e 4 anos, ocorridos neste sábado, 23 de outubro. Adriana era professora no Campus Jaguarão, onde atuava desde 2013. Docente do curso de Tecnologia em Gestão de Turismo, Adriana era reconhecida por sua dedicação ao trabalho, o qual desenvolvia com comprometimento, ética e responsabilidade. A Instituição, por meio de sua comunidade acadêmica, estende seu sentimento de pesar a todos que conviveram com a família.”

Fonte: G1

Scroll Up