01 março, 2024

Últimas:

Setor de máquinas e equipamentos registra aumento na receita

Setor de máquinas e equipamentos registra aumento na receita

Anúncios

No mês de agosto de 2023, o setor industrial apresentou sinais de recuperação, conforme indicam os dados da pesquisa Indicadores Conjunturais da Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq). A receita líquida de vendas registrou um crescimento em relação ao mês anterior em 18,2%, revertendo parte da queda acumulada no ano. No entanto, ao analisar o mesmo período do ano anterior, observa-se que a queda ainda persiste devido à fragilidade das atividades no mercado doméstico.

Ainda sobre o estudo divulgado, foi apontado que mesmo com a desaceleração no mercado global e da valorização do real em relação ao dólar, as exportações do setor mostraram-se resilientes, registrando expansão. Este cenário positivo nas exportações contribuiu para atenuar as dificuldades enfrentadas internamente. Ao se debruçar sobre os diferentes segmentos de mercado atendidos pela indústria de máquinas e equipamentos, a análise interanual revelou melhorias nos mercados de bens de consumo, componentes e nos setores de logística e construção civil.

Anúncios

Observando o relatório citado, nota-se que sobre o resultado de agosto, o panorama do setor industrial ainda é desafiador quando se observa o acumulado do ano de 2023. Além disso, o documento aponta que a persistência da queda em comparação com o ano anterior destaca a necessidade de medidas que impulsionam a demanda interna e fortalecem a competitividade da indústria nacional.

José Antônio Valente, diretor da empresa locação de equipamentos Trans Obra, afirma que mesmo com o resultado positivo de agosto considerando como comparação o mês anterior é necessário que a indústria de máquinas e equipamentos consiga melhorar seu faturamento visto que o resultado de agosto é 4,4% menor do que o mês de agosto de 2022. “Deve-se considerar a série histórica dos anos anteriores para comparação e com isso, a indústria poderá ajustar o planejamento de acordo com uma análise completa”.

Anúncios

Segundo o estudo divulgado, a valorização significativa de 4,7% do real em relação ao dólar (de R$/US$ 5,14 em agosto de 2022 para R$/US$ 4,9 em agosto de 2023) não teve impacto negativo no desempenho das exportações de máquinas e equipamentos. No mês de agosto de 2023, observou-se um crescimento tanto na quantidade (2,8%) de máquinas exportadas quanto nos seus preços (13,7%), em comparação com o mesmo período do ano anterior. Isso resultou em um expressivo aumento nas exportações do setor fabricante de máquinas e equipamentos, que totalizaram US$ 1,464 bilhão, representando uma alta de 16,3% em relação a agosto de 2022 (US$ 1,259 bilhão).

O estudo mostra que a melhoria nas exportações no mês de agosto contribuiu no sustento do crescimento acumulado no ano. No período de janeiro a agosto de 2023, todos os grupos setoriais monitorados apresentaram crescimento nas exportações, culminando em um aumento total de 18,1% para a indústria de máquinas e equipamentos quando medidas em dólares. As exportações em unidades físicas também registraram um aumento de 6,6%.

Últimas

Líderes do mercado de bem-estar unem forças: The DRIPBaR reforçado pela REVIV

01/03/2024

Anúncios The DRIPBaR, reconhecida como a franquia de terapia intravenosa de crescimento mais rápido nos Estados...

Categorias