24 de junho, 2024

Últimas:

Município de Guapiaçu recebe 4ª Caravana da Saúde

Município de Guapiaçu recebe 4ª Caravana da Saúde

Anúncios

No próximo sábado, dia 11 de novembro, das 8h às 12h, os moradores do município de Guapiaçu terão a oportunidade de receber atendimento médico gratuito, realizar exames e obter orientações sobre sua saúde no Salão Paroquial da Igreja Matriz. Esta ação de saúde faz parte da 4ª Caravana da Saúde, promovida pela Faculdade de Medicina FACERES, em parceria com a Prefeitura Municipal de Guapiaçu.

A 4ª Caravana da Saúde é organizada pelas ligas acadêmicas da faculdade de medicina FACERES e conta com a participação de professores e alunos do curso. Seu objetivo é conscientizar e orientar a população sobre as Doenças Crônicas Não Transmissíveis (DCNT), que incluem condições como hipertensão, diabetes, obesidade e doenças cardiovasculares. Além disso, há oficinas educativas sobre alimentação saudável, atividades de entretenimento infantil e orientações sobre como agir em situações de risco em ambientes domésticos, como convulsões e engasgos, tanto em adultos quanto em crianças. Essas orientações abordarão as principais formas de conduta e prevenção.

Anúncios

A novidade desta edição é o foco na conscientização da população masculina sobre a importância de exames preventivos no combate aos problemas de saúde que afetam os homens, especialmente o câncer de próstata.

Dados levantados pela Sociedade Brasileira de Urologia (SBU) em 2022, junto ao Ministério da Saúde mostram que as mulheres vão ao médico mais do que os homens. Em 2022, o Sistema Único de Saúde (SUS), registrou 862 milhões de atendimentos para o público do sexo feminino contra 725,4 milhões do sexo masculino.

Anúncios

Segundo o Ministério da Saúde, o câncer de próstata é o tipo de câncer mais frequente entre homens no Brasil, depois do câncer de pele não melanoma. Mundialmente, em 2020, estimou-se 1,4 milhão de casos novos, equivalente a 15,2% de todos os tipos de câncer entre homens. Já para o Brasil, o número estimado de casos novos é de 71.730 casos, para cada ano do triênio de 2023 a 2025.

Segundo o INCA, em grande parte das vezes, o câncer de próstata possui evolução silenciosa, podendo não apresentar sinais e sintomas. Contudo, as manifestações clínicas mais comuns são: dificuldade de urinar; demora em iniciar ou finalizar o jato urinário; diminuição do jato urinário; necessidade de urinar mais vezes durante o dia ou a noite e presença de sangue na urina.

Fernanda Novelli Sanfelice, coordenadora de Extensão, descreve a 4ª Caravana da Saúde como “um evento de extensão integrado com o ensino e a pesquisa, com ações gratuitas, com foco no rastreio e prevenção de doenças crônicas. É uma oportunidade de melhorar a qualidade de vida por meio de orientações gratuitas de saúde”.

“Ao monitorar e prevenir as Doença Crônicas Não Transmissíveis (DCNTs) por meio da Caravana da Saúde, estamos ativamente promovendo a saúde e levando orientações que agregam na qualidade de vida da nossa população. Paralelamente, nós estudantes, estamos expandindo nossos conhecimentos e habilidades técnicas ao oferecer cuidados à comunidade, impulsionando-nos em direção a uma medicina de melhor qualidade e mais centrada no ser humano”, declara Sueli Bonfim, diretora do DILAF (Diretório de Ligas Acadêmicas FACERES).

Talita Valentino, coordenadora de pesquisa, conta que durante o evento, ocorrerá uma ação de orientação de saúde para a população, sob responsabilidade do Departamento de Pesquisa da FACERES. “No dia do evento, os alunos entregarão o Almanaque de Saúde, em uma edição dedicada a plantas medicinais. Os alunos, autores da obra, farão a abordagem dos presentes na Caravana, conversarão sobre o uso de plantas medicinais como alternativa de tratamentos e entregarão uma unidade do Almanaque para todos que tiverem interesse pela publicação”.

Cerca de 150 profissionais, entre alunos e professores, participam do evento, desenvolvendo a integração do Ensino, Pesquisa e Extensão. A Caravana reunirá as ligas acadêmicas de: Academia de Urgências e Emergências, Anestesiologia, Angiologia e Cirurgia Vascular, Atenção Primária e Educação em Saúde, Cardiologia, Cirurgia Geral, Cirurgia Plástica, Cirurgia Vascular, Clínica Médica, Cuidados Paliativos, Dermatologia, Endocrinologia, Geriatria, Ginecologia e Obstetrícia, Humanização, Medicina Esportiva e Nutrologia, Neurologia, Oftalmologia, Otorrino, Pediatria e Urologia.

O diretor de saúde da prefeitura de Guapiaçu, Bruno Henrique Ribeiro, destaca a importância do evento, afirmando: “A Caravana da Saúde enfatiza a prevenção e promoção da saúde, uma prioridade para o SUS e o Departamento de Saúde. Investir em medicina preventiva é fundamental, pois ajuda a orientar a mudança de hábitos e estilos de vida, o que certamente trará resultados a médio e longo prazo para a comunidade”.

Talvez te interesse

Últimas

O encontro inter e transdisciplinar vai reunir pesquisadores, estudantes e profissionais do Brasil e do exterior, em agosto...

Categorias