24 de julho, 2024

Últimas:

Em um ano com muitos feriados, jovens devem se organizar para estudar

Em um ano com muitos feriados, jovens devem se organizar para estudar

Anúncios

O ano de 2023 chegou e trouxe com ele nove feriados nacionais, sendo que quatro deles poderão ser prolongados por caírem, em sua maioria, na sexta ou na segunda-feira. Com isso, os estudantes precisam se organizar para manter o ritmo dos estudos e ainda aproveitar a folga dos feriados.

Anúncios

Segundo professores, que esse é o momento dos jovens criarem estratégias de estudos, ter foco e disciplina para evitar acumular conteúdo. É necessário que o aluno saiba o que funciona melhor dentro da sua rotina e se organize para estudar e descansar.

Na escola, a equipe pedagógica realiza um trabalho em conjunto com os estudantes, principalmente com os que estão se preparando para o Enem e para a última etapa do PAS/UnB. “Nós temos a Secretaria de Cursos, que oferece todo apoio ao vestibulando, que os auxilia no cálculo de notas e na construção de um planejamento para o ano”, afirma Juliana Gaspar, coordenadora do Avante – curso preparatório do Colégio Sigma – e professora de Química. “Nós conversamos muito com esse jovem e identificamos quais são os seus interesses. Se for, por exemplo, uma carreira que possui alta demanda, indicamos mais intensidade nos estudos e o ajudamos a se organizar, mas sempre prezando pelo bem-estar físico e mental”.

Anúncios

Algumas dicas podem parecer clichês, mas elas são essenciais para garantir resultados mais positivos. “Prestar atenção às aulas e dedicar algumas horas de estudo em casa, investindo um pouco mais de tempo nas matérias nas quais tem mais dificuldade, realmente fazem a diferença”, comenta Juliana. “O estudante precisa aproveitar que a memória ainda está ‘fresca’, então a chance de conseguir fixar o conteúdo é maior”, afirma Gaspar.

Segundo Juliana, outra sugestão que os jovens podem levar em consideração é a realização de provas e exames de anos anteriores. “É uma forma de eles conhecerem e entenderem o estilo de avaliação e ainda aprenderem a controlar o tempo de resolução das questões”, aponta. “Além disso, eles vão conseguir enxergar onde eles estão tendo mais dificuldade, para, ao longo do ano, ir ajustando e revisando os conteúdos”.

A professora também afirma que os alunos devem aproveitar as oportunidades oferecidas pela escola. “Durante o ano são realizados aulões, mentorias, plantões especiais e outros. É nessa hora que o estudante deve procurar o professor para sanar dúvidas persistentes”. Além disso, é preciso manter uma constância nos estudos. “Claro que os feriados são bons para descansar, mas eles também podem usar esses dias ‘livres’ para revisar um conteúdo que tem mais dificuldade”, comenta. “Se o estudante tiver uma rotina desde o início do ano, ao final não precisará revisar tantos conteúdos”, finaliza.

Talvez te interesse

Últimas

Anúncios Luzia Tancler Salgueiro – 101 anos Sepultamento Cemitério Portal das Cruzes 24/07/24 às 10h Velório Complexo Anúncios Ezequiel Martins...

Categorias