Polícia Civil prende suspeito de abusar de enteada de 11 anos

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

A Polícia Civil de Arealva (41 quilômetros de Bauru) prendeu nessa segunda-feira (15) homem de 32 anos suspeito de abusar sexualmente de uma enteada de 11 anos. Segundo a polícia, a própria criança procurou o Conselho Tutelar da cidade para denunciar o crime.

De acordo com o registro policial, o fato teria ocorrido no último dia 4. A menina contou que, aproveitando a ausência da sua mãe, o padrasto acariciou por duas vezes seus seios. Além do abuso sexual, ela alega que também foi agredida fisicamente por ele.

A criança disse que procurou a mãe para denunciar os crimes, mas que nenhuma atitude foi tomada por ela. Com medo de sofrer um novo tipo de violência, ela decidiu procurar o Conselho Tutelar, que levou o caso à Polícia Civil na última quinta-feira (11).

No dia seguinte, a prisão temporária por trinta dias do suspeito foi solicitada à Justiça e, nessa segunda (15), o pedido foi aceito e ele foi preso. Segundo a Polícia Civil, ele nega as agressões e a violência sexual e revela que apenas educava as enteadas de forma rígida.

Após prestar depoimento, o homem foi levado à Cadeia de Barra Bonita. Um inquérito foi instaurado para apurar o crime de estupro de vulnerável e eventual omissão por parte da mãe. A Justiça também concedeu medida protetiva que impede o padrasto de se aproximar da vítima.

Fonte: Jcnet

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes