Putin chama líder norte-coreano Kim Jong-Un de ‘político maduro’

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

O presidente russo, Vladimir Putin, chamou nesta quinta-feira (11) o líder norte-coreano, Kim Jong-Un, de “político maduro” com um arsenal formidável, mas também pediu que apazigue as tensões internacionais sobre o polêmico programa nuclear de Pyongyang.

Kim, de 34 anos, e o presidente americano, Donald Trump, mantiveram sobre este tema duros confrontos nos quais trocaram ameaças de guerra e insultos pessoais. No entanto, houve sinais de um possível apaziguamento depois que Pyongyang inesperadamente restaurou o diálogo com a Coreia do Sul este mês, dois anos depois de romper relações.

“Acredito que Kim Jong-Un tenha ganho esta rodada”, declarou Putin aos jornalistas russos nesta quinta.

“Alcançou sua tarefa estratégica (…) tem uma ogiva nuclear e um míssil intercontinental com um alcance de 13 mil quilômetros que praticamente pode alcançar qualquer lugar do planeta, a qualquer velocidade, em qualquer ponto do território de seu inimigo potencial”, acrescentou.

O governo norte-coreano assegura que esses mísseis são capazes de alcançar o território americano e, além disso, já detonou seus dispositivos nucleares mais potentes até agora.

“É um político absolutamente competente e maduro”, disse o presidente russo. Mas também afirmou que interessava a Kim “harmonizar, acalmar a situação”.

Jogos Olímpicos de Inverno

Os Jogos Olímpicos de Inverno na cidade sul-coreana de Pyeongchang no mês que vem se viram apagados pelas tensões geopolíticas, com os repetidos testes de mísseis da Coreia do Norte.

Pyongyang, que boicotou os Jogos Olímpicos de Seul de 1988, concordou na terça-feira em enviar uma delegação olímpica oficial para Pyeongchang, nas primeiras conversas formais realizadas em dois anos entre o Norte e o Sul, em Panmunjom, localidade fronteiriça na zona desmilitarizada que separa a península.

A Casa Branca disse na quarta-feira que Trump estava aberto aos Estados Unidos conversarem com a Coreia do Norte “em circunstâncias apropriadas” , depois que o presidente sul-coreano, Moon Jae-In, mostrou sua disposição para sentar com Kim Jong-Un.

Fonte: Yahoo!

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes