Entenda a relação das bactérias do intestino com seu peso e jeitos fáceis de modificá-la

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

A grande maioria dos trilhões de bactérias que vivem no nosso organismo se concentra no intestino. Elas interagem auxiliando os processos naturais do órgão e, quando há um desequilíbrio entre bactérias boas e ruins, o fato, além de comprometer a saúde, influencia no peso.

Isso porque as bactérias intestinais afetam a forma como diferentes alimentos são digeridos, aumentam ou diminuem os riscos de inflamações e até mesmo a produção de produtos químicos que favorecem a saciedade. Portanto, a relação entre as bactérias e os números na balança pode ser considerada bastante significativa.

Como manter bactérias que ajudam a emagrecer

A maneira mais simples e eficiente de manter o equilíbrio das bactérias no intestino e, assim, favorecer a perda de peso, é cuidando da alimentação. Neste caso, o consumo regular de fibras é fundamental para o processo.

Enriqueça seu cardápio com grãos integrais, frutas, vegetais, nozes e sementes. As opções ricas em fibras ajudam a garantir saciedade e combatem a prisão de vente.

É importante ainda consumir alimentos ricos em polifenóis, como chocolate amargo e chá verde, por exemplo, que promovem o crescimento de boas bactérias, assim como alimentos fermentados e probióticos, como iogurte, kombucha e kefir.

Para manter o intestino saudável com bactérias do bem é preciso também evitar ou minimizar a ingestão de alimentos ricos em açúcar, adoçantes artificiais e gorduras saturadas, que podem contribuir para o crescimento de bactérias causadoras de doenças.

Fonte: Vix

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes