Fluminense e Santos se enfrentam no Maracanã

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Com comandos técnicos indefinidos, Fluminense e Santos se enfrentarão nesta quarta-feira, às 19h (de Brasília), no Maracanã, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Insatisfeito com a gestão do clube carioca, falta de reforços e os salários atrasados, Abel Braga cogita deixar o cargo. E no Peixe, a diretoria pode demitir Jair Ventura em caso de nova derrota no Brasileirão.

O Flu, ao menos na tabela, vive situação mais confortável. É o 11º, com 14 pontos. O alvinegro ocupa a 16ª colocação, perto da zona de rebaixamento, com 10 pontos e uma partida a menos, a ser disputada contra o Vasco depois da Copa do Mundo na Rússia.

“Além da fadiga de alguns que não vieram (para o jogo contra o Atlético-MG), teve contusão de Ayrton, Pedro… Esse é o preço a pagar de ficar repetindo. É uma equipe que tinha um coletivo forte, mas vai perdendo jogador, perde o coletivo e o individual. Estamos torcendo para que chegue na quarta-feira e depois todo mundo possa fazer um exame de consciência e possamos fazer uma pré-temporada séria”, desabafou Abelão na coletiva após a derrota para o Galo.

No Santos, o elenco defende a permanência de Jair, que mais perdeu (14) do que ganhou (13) na temporada. Gabigol saiu em defesa do treinador nesta terça-feira. Rodrygo, em negociação avançada com o Real Madrid, deve ser desfalque.

“Sempre jogamos por ele, por nós, pela torcida… É um jogo muito importante. Jair é um cara que não sou muito bom para falar… É um espelho para todos, trabalho está sendo muito bem feito. Críticas vem com as derrotas, acontece, mas torcemos para que fique. É um cara que tem sido espetacular”, afirmou o camisa 10.

Essa será a última partida do Campeonato Brasileiro antes do recesso para a Copa do Mundo na Rússia. As equipes voltarão a campo apenas em julho.

FICHA TÉCNICA – Fluminense x Santos

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)

Data: 13 de junho de 2018, domingo

Horário: 19h (de Brasília)

Árbitro: Rafael Traci (PR)

Assistentes: Ivan Carlos Bohn e Rafael Trombeta (PR)

FLUMINENSE:  Julio Cesar, Renato Chaves, Gum e Luan Peres; Gilberto (Léo), Richard, Jadson, Sornoza e Ayrton Lucas; Pablo Dyego (Robinho) e Pedro

Técnico: Abel Braga

SANTOS: Vanderlei, Victor Ferraz, Gustavo Henrique, David Braz e Dodô; Diego Pituca, Renato (Alison), Léo Cittadini (Rodrygo) e Jean Mota; Bruno Henrique e Gabigol

Técnico: Jair Ventura

 

Fonte: Yahoo!

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes