Polícia de Botucatu investiga se mulher que morreu em acidente estava acima do limite de velocidade permitido

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Foto: JCNet ( Reprodução Acontece Botucatu)

A Polícia Civil de Botucatu investiga o real motivo do acidente que matou uma mulher de 31 anos, após colidir a motocicleta que conduzia na lateral de um ônibus de linha, no quilômetro 7 mais 400 metros da rodovia Gastão Dal Farra, no bairro Santa Maria, em Botucatu  às 7h40 dessa sexta-feira (17). Rosângela Cristina Vidotto seguia no sentido Centro-bairro no momento do acidente.

O motorista do coletivo, com placas de Botucatu, de 55 anos, estava na mesma direção que a condutora da moto, uma Suzuki/Intruder, também com placa de Botucatu. Segundo a Polícia Militar Rodoviária do município, o homem fez uma conversão irregular e cruzou a frente da motocicleta. Não deu tempo de frear.

Outra hipótese

Ainda conforme informações da corporação, embora Rosângela usasse capacete no momento do acidente, a colisão acarretou em sua morte, provavelmente, porque ela trafegava acima do limite de velocidade estabelecido para aquela via, que é de 60 quilômetros por hora. Contudo, o real motivo do acidente ainda será elucidado pela Polícia Civil.

O motorista do ônibus nada sofreu, mas, mesmo assim, foi encaminhado ao Pronto-Socorro de Botucatu pelo resgate da própria concessionária da via. Ele estava em estado de choque. Além disso, a motocicleta conduzida por Rosângela foi parar ao lado do escapamento do coletivo.

Leia Notícias com JCNet

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes